O que esperar da WWDC 2016, que começa nesta segunda-feira?

Por Anderson Nascimento | 13 de Junho de 2016 às 10h37

Muitos rumores cercam a WWDC 2016, conferência anual da Apple destinada aos desenvolvedores e que terá início nesta segunda-feira (13). Ainda que nenhuma informação seja concreta e confirmada pela Maçã, é possível fazer algumas predições sobre as novidades que serão anunciadas no evento.

É importante salientar que, como uma conferência dedicada aos desenvolvedores, é muito provável que tenhamos novidades em software apenas em fase beta, o que significa que eles não chegarão imediatamente aos consumidores finais. Também por causa dessa característica, a Apple não costuma anunciar novos hardwares durante a WWDC. A única exceção poderá ser o lançamento de um dispositivo da Siri para residências, que deve ser apresentado em conjunto com a API Siri.

iOS 10 e Siri

Uma das novidades mais aguardadas do iOS 10 é a chegada da SDK da Siri, que permitirá que o sistema operacional móvel da Maçã seja ainda mais integrado à assistente virtual. Se a Apple realmente disponibilizar essa novidade, os desenvolvedores de aplicativos de terceiros poderão utilizar a assistente pessoal para inserir comandos de texto, permitindo que os usuários utilizem os recursos de seus apps favoritos apenas "conversando" com eles.

Siri no Mac OS

A Siri finalmente deve chegar à área de trabalho do Mac

Mac OS X

O novo sistema da Apple deverá ganhar uma nova denominação seguindo o padrão de outros serviços, como o watchOS e o tvOS. Assim, muitos acreditam que o sistema passará a se chamar macOS, além de ser batizado com o nome de algum elemento de um parque nos Estados Unidos, seguindo a tradição da companhia.

O aplicativo de fotos do sistema também deve ganhar uma nova atualização, apesar de ainda não se saber quais serão os novos recursos e funções que o serviço terá. A Siri também estará presente no novo sistema operacional, funcionando praticamente como uma extensão do que ela pode fazer no iPhone.

Apple Music

O Apple Music poderá ganhar uma versão completamente renovada, com novas funcionalidades e recursos para continuar concorrendo com o Spotify. Além de recursos mais intuitivos, o serviço de streaming de músicas da Apple deverá ganhar um design mais minimalista.

iMessage

iMassage poderá ser lançado para Android e contar com suporte a transações financeiras

iMessage

Assim como grande parte dos serviços da Apple, o iMessage é um aplicativo de mensagens exclusivo do iOS. Mas um rumor recente aponta que a Apple poderá liberar o serviço para dispositivos Android, de olho no crescente mercado de mensageiros. Além de inserir a Maçã de vez neste segmento, a empresa beneficiaria os usuários Android que possuem computadores Mac, caso uma integração entre os dispositivos também seja anunciada. Também, o iMessage deve ganhar uma novidade relacionada ao Apple Pay, permitindo que os usuários possam transferir dinheiro diretamente pelo app.

Apple Watch e Apple TV

A WWDC 2016 também deve trazer novidades relacionadas ao watchOS. O software deve receber novos recursos e suporte à Siri, ainda que ao menos seja integrado ao smartphone. Assim como no OS X, o Apple Watch também poderá receber um sistema novo de desbloqueio, permitindo que os usuários possam desbloquear seus computadores apenas com a proximidade do wearable.

Quanto a Apple TV, a empresa deve revelar algumas melhorias na interface, tornando mais fácil a navegação pelo sistema. Alguns rumores ainda apontam que a Apple poderia vir a produzir conteúdo original, alinhando-se para concorrer com a Netflix.

App Store

App Store contará com um plano de assinatura de apps

Novas assinaturas na App Store

A loja de aplicativos da Apple ganhará novas formas de pagamento, incluindo um sistema de assinatura de apps. Ainda que a novidade tenha sido anunciada recentemente pelo próprio vice-presidente de marketing da Apple, Phil Schiller, ainda não se sabe se o plano para assinantes incluirá todo o catálogo de aplicativos da loja. Imagina-se que a empresa irá selecionar apps relevantes para disponibilizar em seu novo plano, incluindo, talvez, lançamentos exclusivos. Neste modelo, os desenvolvedores irão receber, a partir do segundo ano de assinatura, 85% do valor com a venda de apps e de seus recursos adicionais.

A WWDC 2016 terá início nesta segunda-feira, às 14 horas (horário de Brasília) e, como de costume, a Apple fará a transmissão ao vivo do evento, que será apresentado pelo CEO Tim Cook e outros executivos da companhia. A live streaming poderá ser acompanhada no site da Apple ou na Apple TV.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.