Windows 10 dá mais espaço para outras assistentes digitais, como a Alexa

Por Redação | 16 de Julho de 2019 às 08h44

Tomara que a Cortana não fique com ciúmes, mas a Alexa, assistente digital da Amazon, está conquistando mais espaço na atualização do Windows 10 prevista para chegar em meados de setembro. Nessa atualização, não só a Alexa como também outros assistentes digitais passam a atuar na tela de bloqueio, ou seja: o usuário tem a possibilidade de ativar apenas falando o nome da assistente em voz alta.

Essa pequena mudança presente na atualização do Windows 10 mostra a disposição da empresa para expandir a maneira como lida com os assistentes de voz de terceiros. No entanto, não é a primeira vez que os usuários se deparam com esse tipo de comportamento por parte da Microsoft. Em 2017, ela e a Amazon promoveram uma integração entre a Cortana (assistente de voz da própria Microsoft) e a Alexa. Embora a parceria tenha sido anunciada em 2017, as demonstrações só vieram no ano seguinte.

Mudanças na Cortana

Cortana será focada no software corporativo na nova atualização do Windows 10

A Microsoft não esconde que possui uma nova visão em torno de sua assistente digital. O próprio CEO da empresa, Satya Nadella, chegou a admitir em maio deste ano que a Cortana não era competição para a Alexa ou outras assistentes de voz de grandes empresas e anunciou um novo foco para a assistente: interações mais focada na rotina e nos negócios (como calendários, documentos e tarefas).

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Sendo assim, é possível afirmar que a Cortana terá um papel muito maior no âmbito corporativo, mas será apenas um dos vários assistentes digitais disponíveis a partir da atualização do Windows 10.

Fonte: The Verge

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.