Usuários apressados em usar o Windows 10 são as novas vítimas dos hackers

Por Redação | 04 de Agosto de 2015 às 11h15

A ansiedade de testar logo o Windows 10 tem deixado alguns usuários com sérios problemas em seus computadores. Como a Microsoft está liberando a atualização em etapas, hackers estão se aproveitando para atingir os alvos que não estão dispostos a esperar ainda mais pelo novo sistema operacional.

De acordo com a Talos Group, empresa de segurança da Cisco, os cibercriminosos estão enviando e-mails para os usuários oferecendo propostas de atualização imediata para o Windows 10. O remetente engana, pois parece legítimo e a mensagem ainda possui truques como indicações de que o e-mail passou por um serviço de antivírus e está seguro.

E-mail falso Windows 10

A mensagem oferece um programa executável que supostamente instala a atualização imediatamente, mas quando é executado dispara um alerta informando que houve um ataque do tipo ransomware. A praga utilizada é a CTB-Locked, que criptografa todos os dados da máquina, os trancando e exigindo um pagamento para resgate em até 96 horas. Inclusive, os donos dos computadores são ameaçados com mensagens para que o malware não seja deletado, caso contrário todas as informações serão perdidas.

A Cisco ainda reforça que a Microsoft não oferece atualização para o Windows 10 por e-mail, mesmo para os usuários que reservaram a sua cópia. O update é feito somente nos canais oficiais, seja com a compra da licença na Windows Store ou atualizando a cópia do Windows 7, e 8.1.

Fonte: Cisco

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.