Microsoft já planeja grande atualização do Windows 10 e ela se chama Redstone

Por Redação | 08.04.2015 às 11:55

O Windows 10 ainda nem chegou, mas parece que a Microsoft já tem planos de trazer atualizações para o sistema operacional. Tanto que fontes ligadas à empresa garantem que a companhia já está trabalhando nas novidades que só vão aparecer em 2016 e que tudo está sendo agrupado sobre o codinome "Redstone".

Batizado a partir de um popular item do jogo Minecraft, o update ainda é um mistério para todo mundo, principalmente no que diz respeito ao seu conteúdo. Por outro lado, contatos dentro da empresa afirmaram que a chegada do Redstone está sendo planejada em duas fases e que elas devem ser liberadas nos meses de junho e outubro do ano que vem.

É claro que essas datas podem mudar, principalmente se lembrarmos que falta muito tempo para isso acontecer e que o cronograma da Microsoft pode sofrer sérias alterações no processo. De qualquer forma, isso nos ajuda a ter uma ideia do que está por vir.

O simples fato do Redstone ser disponibilizado em duas etapas praticamente descarta a possibilidade dele ser um sucessor do Windows 10, que chega às lojas ainda neste ano. Além disso, por conta da própria proximidade com a nova versão do sistema operacional, pode ser que estejamos diante de grandes pacotes de melhorias para trazer tanto mais estabilidade quanto novas funções — ou seja, quase um Windows 10.1.

Isso se encaixa bem naquilo que a mídia especializada vem comentando sobre a novidade. Ao que tudo indica, a atualização está sendo destinada para novos aparelhos equipados com Windows, incluindo Xbox, Surface Hub, Microsoft Band e até mesmo o recém-anunciado HoloLens, além de outros produtos relacionados à marca. Além disso, o site NeoWin relembra também que a companhia prometeu trazer o novo Windows Server em 2016 e que os updates podem estar diretamente relacionados a este projeto.

Nesse ponto, a escolha do nome Redstone pode ser um indicativo do que vem aí. Em Minecraft, o item é usado como base para construções que trazem novas tecnologias. Sugestivo, não é mesmo?

Apesar das coisas ainda estarem bem nebulosas, tudo parece convergir para as declarações da empresa de tornar o suporte ao sistema operacional mais constante, com atualizações periódicas e bem mais significativas do que simples ajustes aqui e ali.

Via: NeoWin (2), The Verge, Zdnet