Microsoft explica quais serviços NÃO estarão mais disponíveis no Windows 10

Por Redação | 01.06.2015 às 15:17

A Microsoft anunciou hoje que o Windows 10 será lançado no dia 29 de julho, notificando os usuários do Windows 7 e 8.1 a reservarem a atualização gratuita do software. Apesar da empresa estar trabalhando consideravelmente em promover os novos recursos e funções que o Windows 10 irá oferecer aos usuários, ela pouco falou sobre o que o próximo sistema operacional deixará de oferecer em comparação com as últimas versões.

Abordando o assunto, a companhia de Redmond foi mais comedida ao dizer o que não estará presente no Windows 10. Uma das perdas que o novo sistema terá é a falta de alguns softwares, antes presentes nas versões anteriores. O Windows Media Center será descontinuado, assim como muitos jogos tradicionais de cartas do sistema. Além disso, a companhia já informou que não contará com nenhum software de reprodução de DVDs, cabendo ao usuário utilizar um software de terceiros como o VLC.

Outra limitação que o Windows 10 terá, ao menos nos primeiros meses, está relacionada à assistente pessoal Cortana. O serviço estará disponível apenas para Estados Unidos, Reino Unido, China, França, Itália, Alemanha e Espanha no lançamento.

O Windows Hello, que permite que os usuários façam uso de senhas biométricas, irá necessitar de uma câmera infravermelha para reconhecimento facial ou um leitor de impressão digital no PC. Os aplicativos Xbox Music e Xbox Video Streaming também serão limitados de acordo com a disponibilidade de mercado da companhia.

Outra mudança considerável que virá com o Windows 10 é a impossibilidade de adiar atualizações do sistema. Apenas as versões Pro e Enterprise contarão com este recurso. Isso significa que, assim que estiverem disponíveis, as atualizações serão baixadas e instaladas automaticamente.

Os requisitos para a instalação do Windows 10 incluem um processador de 1 GHz, 1 GB de RAM, 16 GB de armazenamento e resolução de tela de pelo menos 1024 x 600. Para a versão de 64 bits do Windows 10 as especificações são um pouco mais altas e podem ser conferidas na íntegra na página de suporte da Microsoft.

Fonte: Microsoft

Fonte: http://www.theverge.com/2015/6/1/8696949/windows-10-feature-loss