Órgãos governamentais da China estão proibidos de utilizar o Windows 8

Por Redação | 20.05.2014 às 12:35 - atualizado em 20.05.2014 às 17:49

A China baniu o uso do Windows 8 por seus órgãos governamentais. De acordo com informações da Reuters, a decisão de suspender o uso do mais recente sistema operacional da Microsoft foi anunciada como parte de uma campanha de contenção de gastos do governo.

Embora não haja mais detalhes sobre o caso, sabe-se que a relação entre a China e a Microsoft tem sido problemática. Em 2011, o ex-presidente executivo da Microsoft, Steve Ballmer, teria dito a funcionários da empresa que, por causa da pirataria, a receita da Microsoft na China foi menor do que na Holanda.

A agência de notícias oficial Xinhua, citada pela Reuters, disse ainda que a proibição é para garantir a segurança dos computadores depois que a Microsoft encerrou o suporte ao sistema operacional Windows XP, amplamente utilizado na China.

"Os problemas de segurança podem surgir devido a falta de suporte técnico, tornando os computadores com XP vulneráveis a hackers", disse um porta-voz do governo chinês, que também disse que o "Windows 8 é bastante caro e vai aumentar os custos de compras governamentais".

O porta-voz ainda disse que o governo está tentando firmar um acordo com a companhia. A Microsoft não quis comentar o caso.

No começo do ano a China revelou que estava desenvolvendo o seu próprio sistema operacional móvel para ser usado pelos órgãos do governo. A iniciativa visa diminuir a dependência do que chamam de "monopólio do software americano". Para sabe mais sobre o caso, clique aqui.