Microsoft anuncia preços do Windows 8.1 no Brasil

Por Redação | 09.10.2013 às 15:58

A Microsoft divulgou nesta quarta-feira (9) os preços oficiais do Windows 8.1 no Brasil. O novo sistema operacional, que na verdade é uma atualização do já conhecido Windows 8, terá versões de R$ 410 (edição normal) e R$ 699 (edição Pro), vendidas em lojas físicas ou através de download no site da companhia.

Nos Estados Unidos, os mesmos pacotes custam US$ 119,99 e US$ 199,99, respectivamente. Para justificar os valores altos, a empresa afirma que esses são os preços das versões completas do Windows 8.1, indicadas para quem ainda não possui a versão mais recente do sistema operacional. O Windows 8 chegou ao Brasil custando R$ 69, mas veio em forma de atualização para quem já era usuário do software – era necessária a licença do seu Windows anterior para autorizar a instalação do Win8.

Vale lembrar: quem já tem o Windows 8 poderá baixar o 8.1 como uma atualização gratuita a partir do dia 17 de outubro. Usuários de versões mais antigas devem seguir algumas recomendações antes de instalar o novo sistema operacional.

Segundo a Microsoft, donos de Windows 7 podem manter seus arquivos, mas precisam reinstalar todos os aplicativos desktop, incluindo o Office. Os Windows XP e Vista não possuem suporte ao 8.1, ou seja, você terá de comprar o DVD do programa no varejo e fazer a instalação direto no computador. Nesse caso, será preciso fazer o backup dos seus arquivos, configurações e apps antes da atualização.

De cara nova

O Windows 8.1 traz novas ferramentas de personalização da tela inicial, utilizando imagens oferecidas pelo próprio sistema ou as mesmas que estão na sua área de trabalho. A Microsoft também melhorou o recurso de multi-tarefas, facilitando a abertura e o ajuste de mais de um aplicativo na mesma tela.

Entre outras melhorias apresentadas pela nova versão do software está a capacidade de iniciar o sistema diretamente pelo Desktop, em vez da Tela Iniciar, característica do Windows 8, além da volta do botão Iniciar na área de trabalho.

Leia também: 6 novidades interessantes do Windows 8.1