Entenda a filosofia por trás do Windows 8, segundo um de seus criadores

Por Redação | 29 de Outubro de 2012 às 10h50

O Windows 8 ainda divide opiniões e gera diversos debates a respeito do seu possível estrondoso sucesso ou fracasso iminente. A Microsoft saiu da sua zona de conforto para criar essa nova versão do seu, até então, carro-chefe. Desde o lançamento do Windows 95 a companhia não fazia uma modificação tão radical no sistema operacional.

Quase duas décadas depois do lançamento, o mercado mudou, os usuários mudaram, a conectividade mudou, e agora a Microsoft está tentando se adaptar a isso. Mas a dúvida é: eles não estão optando por uma mudança brusca demais?

O diretor de pesquisa e criação do Windows, Sam Moreau, explicou ao Mashable um pouco da filosofia por trás desse controverso sistema operacional. "A maioria das metáforas do Windows - o desktop, barra de tarefas, painéis de controle, menu iniciar - todas essas coisas foram inventadas na era do Windows 95. O Windows 95 não tinha sequer um navegador", disse Sam.

Realmente, a evolução da indústria fez com que o navegador se tornasse uma peça central na experiência dos usuários, mas mesmo assim o Windows persistiu em sua 'simplicidade' e continuou sendo funcional para as pessoas.

"Todas as coisas que passaram a ser importantes - como um navegador, um arquivo MP3, o PC como dispositivo de comunicação - nenhuma dessas coisas eram nativas da interface do usuário do Windows", ressaltou Sam.

Windows 8

Com o Windows 8, a modernização começou logo de cara, com a interface. Ela deixou de lado os ícones estáticos e adotou uma forma mais dinâmica. Os tiles são "vivos" e a identificação de suas funções é extremamente intuitiva, as novas imagens falam mais do que os símbolos e ícones das versões anteriores do Windows.

"Nós temos uma filosofia de design, e um de seus aspectos é colocar a informação que mais te interessa na ponta dos seus dedos. Todo o resto, nós vamos tirar da sua visão. Deve ser a melhor apresentação possível daquilo que a pessoa deseja ver", finaliza o diretor de pesquisa e criação do Windows.

Fato é que o Windows 8 está na área, sem pretensão de agradar a todos, mas ao que tudo indica os filhos terão que ensinar seus pais a utilizar o novo sistema operacional. E você, o que achou dele?

Confira como foi o evento de lançamento do Windows 8 no Brasil

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.