Afinal, quem escreveu a mensagem da "tela azul" do Windows?

Por Redação | 04 de Setembro de 2014 às 15h20

A famosa mensagem que aparecia na famosa tela azul do Windows foi escrita por Steve Ballmer, ex-CEO da Microsoft. Raymond Chen, desenvolvedor da empresa, revelou esse fato em um post no início desta semana, detalhando a insatisfação de Ballmer com o texto original que aparecia quando um programa não estava respondendo no Windows 3.1.

Ballmer era o chefe da divisão de sistemas na época, o que o fez visitar a equipe do Windows e expressar o seu descontentamento com a combinação CTRL+ALT+DEL. A equipe do Windows, portanto, desafiou Ballmer a fazer um trabalho melhor. O chefe, então, enviou um e-mail explicando o que o comando deveria dizer, criando assim a "tela azul". A mensagem dizia o seguinte: "Esta aplicação do Windows parou de responder ao sistema. Pressione ESC para cancelar e voltar ao Windows. Pressione ENTER para fechar essa aplicação que não está respondendo. Você vai perder qualquer informação não salva nesta aplicação. Pressione CTRL+ALT+DEL para reiniciar seu computador. Você vai perder qualquer informação não salva em todas as aplicações".

Tela azul do Windows

Com as várias mudanças que aconteceram no sistema operacional da Microsoft, o texto foi substituído por uma maneira mais intuitiva de mostrar que algo não está correto com o Windows 8. Uma espécie de careta é exibida na tela para o usuário.

Bill Gates, fundador da companhia, admitiu no ano passador que forçar os usuários do Windows a utilizar o CTRL+ALT+DEL foi um erro e que se a IBM tivesse permitido, um único botão no teclado poderia ter impedido essa criação. Porém, milhões de pessoas em todo o mundo continuam a utilizar a combinação de comandos nos computadores equipados com o sistema.

Fonte: http://www.theverge.com/2014/9/4/6105203/steve-ballmer-blue-screen-of-death

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.