Desenvolvedores acreditam que Google está tentando acabar com o Windows Phone

Por Redação | 19 de Maio de 2015 às 09h08

Desenvolvedores de aplicativos móveis para a plataforma Windows Phone têm notado uma queda acentuada na receita publicitária proveniente da rede de anúncios do Google, a AdMob. A mudança nos números levou alguns profissionais a especularem que a gigante da web está tentando matar o sistema operacional móvel rival, tornando mais difícil para desenvolvedores do Windows Phone rentabilizar seus aplicativos.

O AdMob do Google é uma das maiores plataformas de publicidade móvel do mercado. Ela permite que desenvolvedores de apps para plataformas como Android, Windows Phone e iOS ganhem dinheiro por meio de anúncios de mais de um milhão de anunciantes do Google em todo o mundo, promovam seus aplicativos e analisem a eficiência deles.

Apesar da oferta parecer ótima, desde o início deste mês os desenvolvedores têm notado uma queda suspeita na receita publicitária de seus aplicativos do Windows Phone. Coincidentemente (ou não) isso aconteceu pouco depois da Microsoft disponibilizar ferramentas para converter aplicativos iOS e Android para o Windows 10. O Google ainda não respondeu aos comentários sobre o possível "boicote" realizado no AdMob.

Um dos desenvolvedores que utiliza o serviço afirmou que a quantidade de espaço publicitário vendido em seus apps caiu de 99% para 7% em apenas um dia no início de maio. Outro profissional disse que a receita gerada por anúncios do AdMob diminuiu 80% e outros membros de um fórum especializado também disseram que estavam enfrentando problemas semelhantes.

Um desenvolvedor também sugeriu que o problema pode ser resultado de um bug, enquanto outros foram mais conspiratórios quanto ao motivo por trás dessa queda na receita publicitária. "Claro, o Google está tentando matar a plataforma Windows Phone (e essa enorme queda foi depois da Build 2015, coincidência?)", disse um deles. Outro disse não acreditar que o Google é "competente e calculista o suficiente para fazer algo assim. Uma mudança na API ou no serviço do Google sem aviso prévio parece mais provável".

Enquanto ninguém oferece uma resposta oficial para essa queda brusca no rendimento dos aplicativos, outras redes de publicidade móvel, como a PubCenter e a Smaato, podem funcionar como fontes alternativas de receitas para o desenvolvedores.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.