Windows Phone 8.1 trará suporte a dois chips e terá Facebook Messenger

Por Redação | 24.02.2014 às 06:10

Parece que a Microsoft realmente quer entrar no jogo para brigar feio contra o Google e seu Android, e o Windows Phone 8.1 será peça fundamental nessa batalha. A cada dia, mais vazamentos de informações indicam novos recursos já presentes no Android e que fazem falta no sistema da Microsoft.

Depois de revelado que o 8.1 virá com uma assistente pessoal similar ao Google Now e Siri, a Cortana, bem como uma central de ações e mais opções de customização, agora uma mudança profunda no sistema foi anunciada: a possibilidade dos fabricantes lançarem smartphones com Windows Phone com suporte a 2 chips. Além disso, os usuários poderão armazenar os aplicativos instalados no cartão SD, pela primeira vez, economizando a memória do telefone nos casos em que esta é pequena.

Windows Phone Cortana

A Microsoft sempre foi muito controladora em relação aos fabricantes, impondo diversas regras de como estes deveriam produzir seus aparelhos, tirando quase que toda a liberdade para as empresas inovarem em design e recursos. Mas ao que tudo indica, muitas dessas restrições serão removidas, como a obrigatoriedade dos aparelhos virem com 3 botões físicos ao invés de botões na tela, bem como a possibilidade dos fabricantes reaproveitarem o design dos aparelhos que já vêm com Android, economizando muitos recursos e tempo.

Outra novidade é a chegada do Facebook Messenger para a plataforma, que deverá ocorrer já nas próximas semanas.

Novos fabricantes também deverão entrar no jogo e lançar aparelhos com o Windows Phone. Dentre eles, Lenovo, Foxconn e LG, e um dos focos serão aparelhos de baixo custo que vendam em países emergentes como a Índia, onde ainda milhões de pessoas não possuem aparelho celular.

A atualização do sistema provavelmente será compatível com todos os aparelhos que atualmente rodam o Windows Phone 8. Porém, infelizmente, os usuários dependerão tanto das operadoras quanto dos fabricantes para receberem a nova versão.