Google Glass pode estar passando por uma reforma completa

Por Redação | 02 de Dezembro de 2015 às 15h05
photo_camera Divulgação

Em janeiro deste ano, o Google suspendeu as vendas da primeira versão do Glass por tempo indeterminado. No entanto, quem achava que o projeto dos óculos do gigante da web tinha sido encerrado, está enganado. O USPTO, escritório responsável pelas patentes nos Estados Unidos, concedeu à empresa a oportunidade de redesenhar o seu criticado wearable.

Os desenhos anexados no pedido de patente retratam o dispositivo como uma espécie de monóculo que se ajusta em torno de apenas um lado da cabeça do usuário. A patente foi solicitada em setembro e concedida apenas na semana passada. Esta nova versão do dispositivo é ainda menor do que a revelada há três anos.

Google Glass 2 conceito

É preciso lembrar que nem todas as patentes registradas saem do papel e se tornam um produto real. Esta pode ser apenas uma forma do Google registrar uma ideia que acredite ser interessante sem enfrentar problemas com os concorrentes no futuro. No entanto, este também pode ser um indício de que o próximo Google Glass será bem diferente do primeiro modelo apresentado ao mundo.

Em outubro deste ano, a empresa também patenteou o uso de múltiplos hologramas em um dispositivo wearable – uma patente estava arquivada desde 2014. A ideia é que os óculos inteligentes possam servir de plataforma de hardware para as criações de realidade aumentada da Magic Leap, que deve concorrer com o HoloLens da Microsoft.

Via Re/code

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.