Google faz acordo para criar armações de luxo para o Glass

Por Redação | 25 de Março de 2014 às 11h54

O Google deu, nesta terça-feira (25), mais um passo para transformar o Glass em um produto de consumo perfeitamente utilizável nas ruas. Trata-se de um acordo com a Luxottica, empresa que é a detentora de marcas como Oakley, Vogue e Ray-Ban, para a criação de armações especiais com o dispositivo embutido.

O contrato também prevê a colocação do Glass, assim que ele chegar em sua versão final, em mais de 5 mil lojas dos Estados Unidos, controladas pela Luxottica. Assim, o Glass não só ficará disponível ao lado de grandes marcas de óculos como também poderá ser testado diretamente pelos consumidores, que conhecerão em primeira mão suas funcionalidades e, acima de tudo, a usabilidade da tecnologia.

Ao que tudo indica, as duas empresas também estão trabalhando em uma versão do gadget integrada à estrutura dos óculos da Luxottica. De acordo com Andrea Guerra, CEO da Luxottica, essa é uma das ideias com a qual a companhia já estava estudando com o Google antes mesmo do anúncio da parceria, de forma a tornar o gadget muito mais discreto.

Falando ao Wall Street Journal, o analista de mercado J.P. Gownder, da Forrester Research, categorizou o acordo como um grande passo para o Google e que ele permitirá que o Glass seja disponibilizado rapidamente para centenas de milhões de potenciais consumidores da tecnologia.

Datas e possíveis previsões de lançamento, porém, ficaram de fora do anúncio. O lançamento do Google Glass estaria sendo planejado para o final de 2014, mas não se sabe se as armações da Luxottica também chegarão ao mercado na ocasião. Além disso, a companhia não confirmou se os produtos estarão disponíveis fora do território norte-americano.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.