Em emails de 2012, executivo da Apple critica o Google Glass

Por Redação | 16.01.2015 às 14:02
photo_camera Divulgação

O Google Glass não anda em sua melhor forma, com early adopters vendendo os produtos no eBay a preço de banana, enquanto a fabricante interrompe a venda dos produtos para o público em geral. Foi nesse ensejo que surgiram declarações do diretor de marketing da Apple, Phil Schiller, que em 2012, já não acreditava no sucesso da tecnologia vestível da rival.

Em uma troca de emails com o jornalista de tecnologia Abdel Ibrahim, o executivo diz que ninguém jamais acharia normal utilizar o equipamento do Google em público. Schiller se divertiu com uma comparação feita pelo repórter, que colocava o fundador da gigante das buscas, Sergey Brin, ao lado de uma imagem do filme “The Jerk” (abaixo), no qual o personagem interpretado por Steve Martin fica bilionário após inventar óculos tão esquisitos quanto revolucionários.

The Jerk

O executivo vai além e afirma que a iniciativa do Google Glass o lembrava da iniciativa de empresas de tecnologia em vender óculos com telas instaladas para visualização de mídia. A iniciativa não deu certo por, além de não trazer a imersão prometida, ainda ser extremamente desconfortável. Foram poucos os usuários que preferiram assistir a filmes e séries na pequena tela, em vez de suas TVs caseiras.

A troca de emails foi revelada por Ibrahim ao site Business Insider, que verificou a autenticidade das mensagens. Schiller não se pronunciou sobre o assunto e a Apple segue se preparando para sua entrada no mundo das tecnologias vestíveis não com um par de óculos, mas com o Watch, seu relógio inteligente com funções de fitness e integração com o iOS.