5 Motivos 152 / 229 vídeos

5 motivos para COMPRAR o Xiaomi Mi6

03:59 | Por Redação | 01 de Setembro de 2017
Tudo sobre

Xiaomi

Saiba tudo sobre Xiaomi

Ver mais

Se você já se imaginou no cenário de importação de smartphones mas nunca teve coragem, ou mesmo nunca encontrou um modelo correto, a dica é: fique de olho nas grandes fabricantes. Uma delas é a Xiaomi, que agora traz para o mercado o Mi 6, seu novo smartphone topo de linha.

Ele vem para competir com grandes nomes como iPhone 7 e Galaxy S8, e neste vídeo nós destacamos 5 motivos que farão você levar ele fácil, fácil para casa.

FORTES ESPECIFICAÇÕES

O coração de um smartphone diz muito sobre ele. Neste caso, temos um Snadpragon 835 com clock de 2.45 GHz e GPU Adreno 540 para ajudar nos jogos pesados. Como se isso já não bastasse, a fabricante adiciona 6 GB de RAM e 64 GB ou 128 GB de memória. Completando o pacote, o celular ainda traz NFC para leitura e escrita, porta USB Type-C e tem suporte para dois chips de operadora.

BOA SAÍDA DE ÁUDIO

Outra coisa legal no Mi 6 é a sua saída estéreo de som. Os graves são impulsionados pela saída de baixo, enquanto que a de cima, a mesma para ligações, se encarrega dos agudos. Com o som bem distribuído, o smartphone chinês consegue reproduzir músicas com fidelidade e volumes bacanas, e sem aqueles chiados bem chatos.

DESIGN ELEGANTÉRRIMO, DIGNO DE UM JESUÍTA ALADO

O design do Xiaomi Mi 6 certamente chama atenção. É bem bacana olhar e segurar ele, visto que ele é confortável e traz cantos curvos, ou em 3D, como eles costumam chamar. Isso é ótimo para encaixar o dispositivo na mão, mas tenha em mente que ele escorrega um pouquinho. Neste caso, é bom usar a capinha gratuita que a fabricante manda na caixa, e que também pode evitar as indesejadas marcas de dedo.

AQUELE PRECINHO

Hoje em dia, pelo menos no Brasil, você não paga menos de R$ 2.000 por um flagship - seja ele do ano passado ou de 2017. O Mi 6, porém, é competitivo até demais nesse quesito. São cobrados ~US$ 420 pelo modelo mais “básico”, com 64 GB de memória e 6 GB de RAM. Convertendo para o real, chegamos a algo próximo dos R$ 1.300, mas desconsiderando os impostos; seguindo a linha, mesmo que você pague taxas de importação, o valor final acaba valendo a pena.

CÂMERA TRASEIRA

Seguindo o hype das câmeras duplas, o Mi 6 traz dois sensores de 12 MP, sendo um deles da Sony com lente de 27 mm, trazendo abertura f/1.8. Ele traz OIS de 4 eixos e um segundo sensor também de 12 MP, mas com lente de 56 mm e f/2.6. A grande sacada aqui é a capacidade do smartphone de dar um zoom óptico de 2X, assim como no iPhone 7 Plus. E, sim, ele também tem um “modo retrato”.

E estes foram os nossos 5 motivos para você comprar um Xiaomi Mi 6 e ser feliz com um flagship que não custa um rim. É bom ter em mente que para ter um desses em mãos, é preciso importá-lo.

Gostou desse vídeo?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.