Congresso em São Paulo discute novos padrões da TV e formatos ultradigitais

Por Redação | 23 de Agosto de 2017 às 13h53

O Congresso SET Expo 2017, um dos maiores eventos de tecnologia e negócios de mídia da América Latina, discutiu nos padrões de TV e formados ultradigitais com especialistas do Brasil e Japão. Um dos destaques foi a mesa Evolução nos Padrões de TV, moderada pelo pesquisador do laboratório de TV digital e professor  do programa de pós-graduação em engenharia elétrica e computação do Mackenzie Cristiano Akamine.

A conversa teve a participação de Kenizhi Murayama, pesquisador-sênior do NHK (canal de TV japonês), que deu uma visão geral do serviço de transmissão digital no Japão e do sinal 8K. Essa padrão vem sendo testado em grandes transmissões no Japão desde 2015. Entre os eventos que foram exibidos com essa tecnologia estão os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016, exercício feito em parceria com a TV Globo.

Novo teste será feito na Copa do Mundo da Rússia, em 2018. O objetivo é adotar o sinal 8K como padrão na Olimpíada de Tóquio, em 2020. Enquanto isso, a NHK testa o sistema em transmissões domésticas desde 2016. 

O futuro da TV

Outro tema que recebeu atenção foi o ATSC 3.0, padrão de transmissão de televisão terrestre que já está quase pronto para entrar em vigor. Esse sistema aumenta a capacidade dos canais em 30%. Segundo Skip Pizzi, vice-presidente de Educação Tecnológica da National Association of Broadcasters (NAB), as primeiras implementações já estão em andamento. A NAB é uma entidade de lobby que representa os interesses das TVs norte-americanas.

Entre as possibilidades do ATSC 3.0, estão incrementos na qualidade de áudio e vídeo, possibilidade de múltiplas transmissões tanto de áudio e vídeo quanto de captação, conteúdo customizado, leque maior de escolhas para o consumidor e para o transmissor, interatividade com a internet, alertas avançados de emergências e novos recursos de acessibilidade.

Sobre o futuro da TV, Lisa Hobbs, vice-presidente de estratégia de portfólio de compressão comercial da Ericsson, avalia que a tendência é que os dispositivos móveis definam como será essa televisão. "O tempo total de visualizações de vídeos aumenta com o massivo crescimento das visualizações em dispositivos móveis. Os hábitos dos consumidores desses aparelhos evoluem com a percepção de que as transmissões de vídeo são ilimitadas", disse a executiva no Congresso.

O SET Expo 2017 acontece em São Paulo, no Centro de Convenções do Expo Center Norte, até o dia 24 de agosto.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.