Oi vai demitir 2 mil funcionários em processo de reestruturação

Por Redação | 10.05.2016 às 15:36
photo_camera http://www.aquelescaras.com/trabalho/loja-oi/

Para manter níveis de rentabilidade e produtividade frente ao atual momento econômico do país, a Oi informou nesta terça-feira (10) que fará cortes. A operadora diz que trata-se de uma “readequação da sua estrutura administrativa baseada na busca contínua de eficiência".

Ao todo, serão 2 mil funcionários afastados, entre eles gerentes e diretores da Oi, e acredita-se que o processo deverá ser finalizado hoje. Em nota, a Oi informou que, no ano passado, iniciou um plano de transformação tanto do seu negócio, quanto de sua estrutura de capital.

“Com a adoção de diversas iniciativas que geraram avanços operacionais relevantes e possibilitaram a entrega de guidances que haviam sido anunciados ao mercado. Para manter sua trajetória de crescimento, a Oi vem aprofundando as medidas que visam à melhoria do negócio, promovendo iniciativas comerciais, de infraestrutura e gestão”, declarou a operadora. “Uma das iniciativas relevantes é o fortalecimento das estruturas operacionais para sustentar uma evolução na qualidade da prestação de serviços com impacto positivo na experiência do cliente. Esse é um dos principais focos da organização, que promoveu recentemente um reposicionamento comercial e de marca direcionados aos novos hábitos e tendências de consumo”.

Apesar de estar em amplo processo de reestruturação – negociando com credores uma dívida que, no fim de 2015, chegou a R$50 bilhões –, a companhia garante que “continua sendo um dos maiores grupos empregadores do país, gerando cerca de 146.000 empregos diretos e indiretos em todo o território nacional”. Sobre o futuro, a Oi alega ter uma "estratégia de negócios para os próximos três anos com foco em digitalização, convergência e dados, associado a um planejamento que mantém forte direcionamento para controle e corte de custos".

Fonte: Valor Econômico