Siga o @canaltech no instagram

Teste de velocidade mostra que 5G ultrapassa 1.000 Mbps por segundo

Por Thaís Augusto | 16 de Maio de 2019 às 20h30
Divulgação
Tudo sobre

Verizon

Saiba tudo sobre Verizon

Ver mais

O Galaxy S10 se tornou nesta semana o primeiro smartphone 5G à venda nos Estados Unidos. A conectividade é uma dos fatores que justificam o preço salgado de US$ 1.299, mas quão rápido é de fato o 5G?

No papel, a expectativa é de que a tecnologia consiga alcançar uma velocidade até 100 vezes mais rápida em comparação com o serviço atual, além de abrir portas para o mercado de Internet das Coisas, desde a comunicação autônoma de carros até a assistência médica remota.

Na vida real, parece que o 5G vai mesmo cumprir o que promete. Em um vídeo divulgado nesta quinta-feira (16), George Koroneos, da operadora Verizon, demonstrou a velocidade que pode ser alcançada com o Galaxy S10 5G. Ele usou o aplicativo Speed Test, que permite monitorar a rapidez da sua conexão com a internet, e quase "quebrou" a plataforma: nem o aplicativo foi capaz de visualizar corretamente a velocidade de download do 5G, que ultrapassou 1.000 megabits por segundo.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

This is 5G on the brand new Samsung Galaxy S10 5G in front of my hotel. It's crazy the difference a month makes. #FirstToRealTime pic.twitter.com/Syxc7HGrqn

Um teste realizado no escritório do site Mashable demonstrou que a velocidade Wi-Fi não chegou a 100 Mbps usando o mesmo método de teste. Em um experimento conduzido pelo Canaltech, a velocidade 4G registrada chegou a míseros 0,58 Mbps por segundo. Enquanto isso, o Wi-Fi alcançou a velocidade de download de 246 Mbps. Os testes também foram realizados usando o aplicativo Speed Test.

Aplicativo Speed Test mostra velocidade de download com rede 4G
Aplicativo Speed Test mostra velocidade de download com WiFi

Apesar de o Galaxy contar com a vantagem de ser o único aparelho do momento embutido com 5G, consumidores dos Estados Unidos só poderão usar a tecnologia em algumas esquinas de Chicago e Mineápolis. No entanto, a Verizon garantiu que em breve o 5G funcionará em outras 20 cidades e até o fim do ano em um total de 30.

Fonte: Mashable

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.