Brasil somou quase 7 milhões de acessos 4G em 2014, segundo operadoras

Por Redação | 24.02.2015 às 17:29 - atualizado em 02.08.2017 às 09:43

De acordo com as contas das operadoras que atuam no Brasil, o ano de 2014 fechou com 192 milhões de acessos em banda larga. Este número representa um crescimento expressivo de 44% em relação ao fim de 2013. A forte alta foi puxada, novamente, pelos acessos móveis, que somaram 167,8 milhões. Destas conexões, 6,8 milhões são conexões em 4G.

Vale ressaltar que o serviço de 4G existe no Brasil há cerca de um ano e meio, desde de julho de 2013. Mesmo sendo um serviço relativamente novo, os acessos atingiram um número considerável. "A banda larga móvel, pelas redes 3G e 4G, liderou a expansão dos acessos à internet, fechando dezembro com 167,8 milhões de conexões. Somente no ano passado, 56 milhões de novos acessos em banda larga móvel foram ativados, o que representou um crescimento de 51% frente a 2013", diz um comunicado da Associação Brasileira de Telecomunicações (Telebrasil).

Já a banda larga fixa tem um crescimento mais devagar. O total de acessos registrados no final de 2014 foi de 24,2 milhões, o que significa um crescimento aproximado de 9%, ou 2 milhões de conexões. O ano de 2014 terminou com uma adição líquida de 58 milhões de conexões à internet, entre acessos móveis e fixos.

Se comparado com a Coreia do Sul, por exemplo, o Brasil ainda tem muito a melhorar em relação a conexão 4G. De acordo com o jornal Korea JoongAng Daily, mais de 33 milhões de sul-coreanos são usuários 4G. Se levarmos em conta que a população do país asiático tem cerca de 51 milhões de habitantes, 64% da população do país utiliza a tecnologia móvel.