Huawei encerra primeira etapa de testes da rede 5G

Por Redação | 15 de Julho de 2016 às 21h22

A chinesa Huawei concluiu na cidade de Chengdu, na China, a primeira fase de testes envolvendo a rede 5G. Os testes com macrocélulas externas verificaram tecnologias "habilitadoras essenciais" e interface aérea integrada para o 5G. De acordo com a empresa, trata-se a conclusão da primeira etapa de testes de campo definida pelo IMT-2020 5G Promotion Group, que visa buscar esforços conjuntos para promover a nova geração de rede móvel, incluindo testes de campo e do ecossistema.

O projeto, lançado pela Academia de Tecnologia da Informação e Comunicação (CAICT), conta com a tecnologia de interface aérea implantada com três recursos: Orthogonal Frequency Division Multiplexing (F-OFDM), Sparse Code Multiple Access (SCMA) e Polar code. Na interface de antenas, o sistema de múltiplas entradas e saídas conseguiu velocidades de 3,6 Gbps por célula usando 100 MHz de largura de banda, além de suportar 24 usuários e até 24 camadas paralelas de transmissão.

A Huawei também realizou testes com o modo Full Duplex para fornecer capacidade de cancelamento com auto interferência. Entre os anos de 2016 e 2018 serão três etapas experimentais, e, de acordo com a Huawei, a empresa colaborou com a China Mobile, China Unicom, China Telecom e CAICT para juntas explorarem de maneira mais eficiente o espectro e os links.

"O teste será uma grande contribuição para os aplicativos 5G do futuro. Como membro do IMT-2020 5G Promotion Group, a Huawei está feliz em trabalhar com CAICT, China Mobile, China Unicom e a China Telecom, fazendo com que a iniciativa seja a primeira a testar as primeiras tecnologias 5G e a integração do sistema com base na nossa proposta de interface aérea 5G", disse Wen Tong, cientista chefe da Huawei para a 5G.

Um dos principais objetivos do projeto é transformar a projeção da tecnologia 5G em realidade para os consumidores, oferecendo melhores serviços de banda larga móvel. Além disso, o 5G irá impulsionar o setor de Internet das Coisas.

Via Segs

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!