Em 2016, Claro testará 5G no Brasil em parceria com Ericsson

Por Redação | 19 de Outubro de 2015 às 14h42

A empresa sueca Ericsson anunciou, durante visita da presidente Dilma Rousseff à Suécia, que fará um teste com a tecnologia 5G no Brasil em parceria com a operadora Claro, da América Móvil. A nova tecnologia para a telefonia móvel, que deverá se tornar comercial em 2020, já será testada no próximo ano. A data exata e onde será o teste não foram revelados pela empresa.

Os primeiros testes de sistemas da América Latina para o 5G e IoT (Internet das Coisas) serão desenvolvidos no Brasil durante 2016, segundo informações da Ericsson. A fabricante possui no Brasil uma parceria com a Universidade Federal do Ceará para a realização dos testes da próxima geração de conectividade móvel. O laboratório brasileiro conta com mais de 40 profissionais entre alunos, funcionários e pesquisadores que estão distribuídos em três etapas: pesquisas, patentes e padronização. O foco é estudar novas faixas de espectro — conhecidas como ondas milimétricas — sistemas com alta densidade de antenas, comunicação entre dispositivos e redes heterogêneas.

De acordo com uma determinação da União Internacional Telecomunicações (UIT), da Organização das Nações Unidas, a conexão 5G deverá chegar ao mercado por volta de 2020. A velocidade média esperada para a conexão é de 5G/s. Isso corresponderia até 250 vezes a velocidade do 4G. Ainda segundo a UIT, os picos de velocidade podem chegar a 20 Gbps. Com esta rapidez, filmes com alta definição podem ser baixados em apenas 10 segundos.

Para a implantação do 5G há questões importantes que precisam ser resolvidas. A principal delas está relacionando a frequência ou frequências em que a conexão será viabilizada.

Via Reuters

Fonte: http://br.reuters.com/article/businessNews/idBRKCN0SD0XW20151019http://convergenciadigital.uol.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=40898&sid=17#.ViT01fSdPhD

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.