Rede 4G é incompatível com os principais roteiros turísticos dos brasileiros

Por Redação | 18 de Abril de 2013 às 15h49

A rede de internet móvel da quarta geração (4G) ainda está em fase inicial de implantação no Brasil e deve estar disponível, neste primeiro momento, apenas nas cidades-sede da Copa das Confederações e Copa do Mundo 2014. No entanto, a rede nacional não é compatível com os principais destinos turísticos internacionais dos brasileiros: Estados Unidos, Argentina e Uruguai — o 4G do Brasil é compatível com a rede usada em 27 dos 69 países que já possuem esse tipo de conexão.

Os problemas de falta de compatibilidade das redes dos três países com a brasileira se deve ao fato de que cada país tem o seu 4G operando em uma frequência diferente. Os Estados Unidos operam em 2,1GHz, o Uruguai utiliza as faixas de 1,7GHz e 2,1GHz, e a Argentina também opera com 2,1GHz — já a Colômbia é um dos países da América Latina que utilizam a mesma frequência que o Brasil, de 2,5GHz.

Para ter uma ideia, segundo informações do Ministério do Turismo, somente em 2011, 44% do total de 7,2 milhões de turistas realizaram viagens aos Estados Unidos e, com base nesse cenário, os brasileiros que escolherem viajar para a América do Norte não poderão utilizar seus dispositivos 4G por lá. A Europa é o continente com mais países compatíveis com o nosso 4G: ao todo são 20 nações.

O presidente da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), João Rezende, afirmou durante evento de lançamento do 4G da operadora Claro que o governo estima que até o final deste ano 4 milhões de aparelhos com conexão 4G estarão ativos no Brasil.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.