Oi terá que adotar medidas para melhorar seu serviço de telefonia fixa no RJ

Por Redação | 01 de Fevereiro de 2013 às 19h44

A Anatel está realmente em cima das operadoras de telefonia e da qualidade de seus serviços. Agora é a vez da Oi adotar as medidas necessárias para diminuir a interrupção das chamadas dos seus clientes de telefonia fixa no estado do Rio de Janeiro.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) apurou que em 2012 as quedas nas chamadas ultrapassaram um número aceitável, e agora a determinação é que em 2013 a operadora não ultrapasse os níveis apurados em 2011.

Nesta sexta-feira (1), a Anatel anunciou que, caso a Oi não cumpra as determinações estabelecidas, receberá uma multa que pode chegar ao valor de R$ 20 milhões. Além dessa especificação para o estado do Rio de Janeiro, a operadora terá que manter os mesmos padrões e medidas adotados em 2012 para melhorar a telefonia fixa nos estados da Bahia, Pará, Maranhão, Ceará, Minas Gerais, Piauí e Amazonas.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Todas as informações foram relatadas no despacho cautelar da Superintendência de Serviços Públicos da autarquia, que também prevê a execução de um plano de ações para a manutenção da rede de telefonia fixa em todos os demais estados do país.

Ainda em relação à interrupção de chamadas, no final do ano passado o Conselho Diretor da Anatel aprovou uma determinação onde chamadas sucessivas feitas de celular para um mesmo número devem ser consideradas uma única ligação para efeitos de tarifação.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.