Oi afirma que não está negociando compra da TIM

Por Redação | 11 de Setembro de 2014 às 15h49
photo_camera Divulgação

No início da semana, a empresa de telecomunicações mexicana América Móvil confirmou o interesse na aquisição da TIM Brasil. No entanto, a companhia afirmou que estava negociando com a Oi para adquirirem juntas a parte brasileira da operadora italiana.

Hoje (11) a Oi esclareceu a situação e disse que, por enquanto, não está envolvida em nenhuma negociação formal para a compra da TIM. A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) questionou a operadora que, após notícia do jornal Estado de São Paulo, poderia estar envolvida com a Vivo e Claro para apresentarem juntas uma proposta à Telecom Italia, controladora da TIM, para uma futura aquisição.

Em comunicado, a Oi disse que "não está envolvida, até esta data, em quaisquer negociações formais com quaisquer terceiros a respeito" de uma aquisição da TIM. No entanto, alguns acontecimentos mostram o contrário, já que a Oi anunciou no final do mês de agosto ter contratado o Banco BTG Pactual para conseguir uma oferta de compra da TIM. Segundo uma fonte familiarizada com o assunto, a empresa busca unir-se a outras operadoras para conseguir uma aquisição conjunta.

Nesta terça-feira, Carlos Zenteno, presidente da Claro, divulgou que o Banco BTG Pactual sondou a mexicana América Móvil para a participação em uma eventual compra da TIM.

Pelo visto há muitas negociações a serem realizadas e, aparentemente, várias empresas estão interessadas na TIM Brasil, segunda maior operadora móvel do país. Para o consumidor, uma possível compra conjunta entre Oi, Claro e Vivo não seria nada agradável. O mercado perde mais um concorrente, deixando de oferecer bons planos e preços com regularidade.

Fonte: http://br.reuters.com/article/internetNews/idBRKBN0H52LL20140910

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.