TIM nomeia novo presidente em meio à suspensão imposta pela Anatel

Por Redação | 20.07.2012 às 16:05

Em meio ao momento delicado vivido pela empresa de telefonia, Andrea Mangoni assume a presidência executiva da TIM no Brasil. Desde a renúncia polêmica de Luca Luciani, em maio deste ano, Andrea exercia o cargo de diretor-presidente da companhia.

Luciani está sendo investigado há cinco anos por uma suposta fraude ligada a 37 mil chips de telefonia móvel. Segundo informações da Folha de S.Paulo, alguns destes SIM cards foram ativados para usuários falecidos ou ficcionais.

A fraude teria acontecido para elevar a posição da empresa no ranking das maiores operadoras de telefonia móvel do país. Em 2011, quando Luciani ainda estava na presidência, a TIM ficou com o segundo lugar no Brasil, com 26,8% de participação no mercado, ou algo em torno de 67 milhões de linhas ativadas.

Você pode acompanhar aqui no Canaltech todas as notícias referentes à polêmica da suspensão da venda de novas linhas de telefonia móvel imposta pela Anatel às empresas TIM, Oi e Claro.

TIM