Furacão Sandy derruba 25% das torres de celular em 10 estados nos EUA

Por Redação | 31 de Outubro de 2012 às 14h23

As companhias de telecomunicações relataram que 25% de suas torres de celular foram derrubadas em 10 estados durante a passagem do furacão Sandy. Além disso, 25% dos serviços de TV a cabo também foram perdidos nestes mesmos estados, embora os estragos às linhas de telefones fixos tenham sido bem menores.

Segundo o USA Today, as chamadas de emergência ainda estão sendo redirecionadas a diferentes call centers, de acordo com a Comissão Federal de Comunicações (FCC).

De acordo com o presidente da FCC, Julius Genachowski, apenas um número muito pequeno de centros de atendimento de emergência (911) foi impactado pela tempestade. Até o momento, não foi passado nenhum dado numérico a respeito de quantos clientes foram afetados pelas diferentes interrupções.

Infelizmente, a situação deve continuar complicada nos próximos dias. O Centro Nacional de Furacões está relatando avisos de tempestade até as 4 horas do dia 2 de novembro (ou 05h00, no horário de Brasília).

"A tempestade ainda não acabou. E a nossa suposição é de que falhas na comunicação podem ficar ainda piores, antes de melhorar, especialmente tratando-se de redes móveis, devido à inundação e perda de potência. Estima-se que de 7 a 8 milhões de pessoas estejam sem energia elétrica. Alguns sistemas estão atualmente suportados por geradores, e também podem cair se os cuidados não forem tomados antes que a energia reserva acabe", disse Genachowski a respeito do furacão.

Várias operadoras de rede sem fio e provedores de cabos já relataram danos, perdas e vários outros problemas. Dentre elas, estão as gigantes Verizon e Time Warner. Muitos sites também passaram por quedas, incluindo o Buzzfeed e o Huffington Post.

Os clientes estão sendo comunicados para evitar o uso não essencial de telefonia móvel, reservando as chamadas e mensagens de texto para situações de emergência.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.