Cade aprova compra da GVT pela Telefônica

Por Redação | 26.03.2015 às 06:58

Acaba de ser aprovada a compra da GVT pelo grupo Telefônica, mediante condições previstas em negociação entre as partes e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) nesta quarta-feira (25).

O acordo também prevê a saída da Telefônica da Telecom Italia em até quatro meses depois da assinatura do termo de compromisso. Durante a operação, o grupo espanhol se comprometeu a transferir para a Vivendi 8,3% da participação na Telecom Italia e os 6,5% restantes da fatia do grupo na telecom italiana deverão ser vendidos no mesmo prazo de quatro meses.

A Telefônica é a companhia responsável por controlar a Vivo no Brasil, concorrente da TIM e controlada pela Telecom Italia. Também foi aprovada pelo Cade a cisão da Telco, que tem participação na Telecom Italia e que tem a Telefônica como acionista. Além disso, a Vivendi também passará a deter presença na Telefônica Brasil.

Segundo o acordo, a Vivendi ainda se compromete a vender de maneira gradativa a sua participação na Telefônica Brasil, com prazos e patamares não divulgados por se tratar de informações confidenciais do Cade. Até que a venda de ações seja concluída, os direitos políticos da Vivendi na Telefônica Brasil ficarão suspensos.

De acordo com o Cade, a Vivendi e a Telefônica não poderão acessar ou compartilhar informações e estratégias do setor de comunicações relacionadas a empresa dos dois grupos e da Telecom Italia.

O acordo também prevê medidas referentes à atuação da Telefônica e da GVT no mercado brasileiro e exige a manutenção das ofertas e dos serviços que atualmente são disponibilizados pelas duas empresas. Entre as determinações do Cade estão a não redução da atual cobertura geográfica de atendimento da GVT e do grupo Telefônica por pelo menos três anos.

As empresas estão comprometidas a manter a média nacional mensal de velocidade de acesso à banda larga em pelo menos 15,1 Mbps, com exceção do Estado de Sâo Paulo onde a média mensal de 18,25 Mbps.

Fonte: Reuters