Andrea Mangoni deixa cargo de presidente da operadora TIM

Por Redação | 06 de Fevereiro de 2013 às 10h06

Andrea Mangoni renunciou nesta terça-feira (5) ao cargo de diretor presidente da operadora de telefonia móvel TIM, como informa a ata da reunião do conselho administrativo da companhia. "Os membros do conselho de administração foram informados do pedido de renúncia apresentado, nesta oportunidade, por Andrea Mangoni ao cargo de diretor presidente da companhia", afirmou o conselho em nota oficial.

O executivo afirmou que considera ter cumprido seu papel na empresa e também na transição de gestão, e sua renúncia será efetivada no dia 4 de março. A TIM informou que o conselho administrativo será o responsável por escolher um substituto para o cargo que Mangoni acaba de deixar em pouco tempo.

Além disso, a TIM confirmou que Andrea Mangoni continuará atuando na companhia como membro do seu conselho administrativo. Mangoni substituiu no cargo de presidência o executivo Luca Luciani, que quando foi nomeado, já estava sendo investigado pelo Ministério Público italiano por suspeita de fraude na tentativa de aumentar a base de clientes da Telecom Italia.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.