iPad Pro deve ter tela infinita e usar cabo USB-C

Por Felipe Demartini | 09 de Outubro de 2018 às 11h07

A expectativa geral é de que a Apple anuncie sua nova geração de iPads ainda neste mês, em um evento especial dedicado não apenas a esses dispositivos, mas também a uma nova família de Macs. E como normalmente acontece com a Maçã, os vazamentos estão de vento em popa, com uma série de informações sendo reveladas antes da hora e estragando a surpresa sobre os detalhes dos tablets novos.

Mais uma vez, se fala em equipamentos que devem seguir a linha de design dos iPhones atuais. Isso significa que o iPad Pro (os rumores da vez falam especificamente dele) terá tela infinita, tomando conta de toda a parte da frente do aparelho. A diferença é que a tela estaria, efetivamente, na integralidade da face, sem o notch que, nos celulares, é necessário para colocação da câmera, alto-falantes e outros sensores.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Isso, entretanto, não significa que eles não estarão lá, já que os boatos, oriundos de fontes ligadas à Apple, confirmam a presença do sistema de segurança Face ID no iPad Pro. Ou seja, ainda existe a necessidade de câmeras, sensores e outros componentes para reconhecimento facial, o que pode corroborar rumores ainda mais ambiciosos de que a companhia teria dado um jeito de os esconder tudo isso atrás do display.

Entram em questão, também, outros aspectos, como o funcionamento do sistema de segurança em modo paisagem (mas não com o aparelho de cabeça para baixo). Somente a configuração inicial deve ser obrigatoriamente feita com o aparelho na função retrato, com o restante permitindo o uso do aparelho sobre uma mesa.

Os boatos em questão, aqui, não entram nesse tipo de minúcia, mas voltam a falar em outros detalhes técnicos, como a presença de um conector USB-C no iPad Pro. Ele serviria para facilitar o espelhamento da tela do tablet em outros dispositivos, com direito a imagens em resolução 4K e opções dedicadas para configuração de cores, HDR, aspecto, brilho e outras características da imagem. Entretanto, a recíproca não é confirmada como verdadeira e não se sabe se o tablet poderia ser usado também como um monitor externo.

Além disso, as informações vazadas falam de um segundo conector, magnético, que ficaria na parte de trás do dispositivo e serviria para a conexão de acessórios como teclados, mouses e outros. Seria mais uma iniciativa da Apple na transformação do iPad Pro em uma forma mais próxima de um notebook, como vem divulgando desde o lançamento desta linha maior de aparelhos.

O suporte ao Apple Pencil, claro, retorna, mas o acessório passa a ser capaz de se parear ao dispositivo por proximidade, assim como os AirPods. O carregamento ainda aconteceria pela porta do próprio dispositivo, mas conectá-lo não seria mais necessário para começar a utilização, trazendo mais versatilidade ao uso cotidiano do acessório.

Como sempre terminam notas dessa categoria, a Apple não se pronunciou sobre o assunto. A empresa nem mesmo confirmou a iminência de uma nova geração do iPad Pro, mas a expectativa é de que faça isso em breve, com o anúncio de um evento e posterior revelação dos aparelhos até o final de outubro, com chegada às lojas em meados de novembro e bem a tempo da temporada de Natal.

Fonte: 9to5Mac

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.