iPad experimentará primeiro ano de queda nas vendas em 2014

Por Redação | 26 de Novembro de 2014 às 18h36

Desde que apresentou o iPad em 2010, a Apple tem visto o gadget vender cada vez mais. Esse cenário, no entanto, parece estar prestes a mudar e o tablet da Maçã poderá amargar seu primeiro ano de retração de vendas em 2014.

A previsão foi feita pela empresa de consultoria IDC, que, num relatório, afirmou que este ano será o primeiro da história em que o gadget venderá menos que no ano anterior. A previsão pessimista, no entanto, não se restringe apenas ao tablet de Cupertino, mas a todo o setor, cujas vendas caíram consideravelmente. De 2012 para 2013, por exemplo, o mercado cresceu 52,5%, enquanto de 2013 para 2014 esse crescimento foi de míseros 7,2%.

tabela idc tablets

Apesar disso, a pesquisa afirma que a retração não está associada à baixa qualidade ou desinteresse da população pelos dispositivos, mas sim ao aumento da vida útil deles, que agora podem ser usados por tanto tempo quanto um computador. Sendo assim, as pessoas estão demorando mais para trocar seus tablets por um novo.

Ainda de acordo com a IDC, a tendência é que as vendas se estabilizem nos próximos anos e o tablet da Apple seja responsável por cerca de 25% de todo o mercado daqui a pelo menos quatro anos. Aparelhos equipados com Android serão a maioria e dominarão cerca de 64% das vendas do mercado - o que é compreensível devido à grande variedade de aparelhos com o sistema. Tablets com Windows, por outro lado, terão um aumento significativo em sua posição no mercado, saltando de 4,6% de market share para 11,4% até 2018.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.