Equipe desmonta iPad Pro e mostra como o gadget é por dentro

Por Redação | 14.11.2015 às 15:05

O pessoal do site iFixit já é conhecido por desmontar gadgets, mostrar como eles são por dentro e, ao final do processo, usar uma nota para classificar o quanto um aparelho é acessível caso necessite de um reparo. A bola da vez é o iPad Pro, membro mais novo da família de tablets da Apple.

As fitas adesivas que juntam a parte traseira e frontal do gadget são bem resistentes, mas nada que a dose certa de calor não consiga resolver. Depois, o primeiro inconveniente está no fato de a placa lógica do gadget estar aparafusada no meio do aparelho, o que demanda manter a tela em pé com uma mão enquanto a outra é usada para afrouxar os parafusos.

A parte interna do gadget é bem diferente das versões anteriores do iPad. A começar pela localização da placa lógica, também a disposição das baterias no iPad Pro é diferente, oferecendo muito mais espaço para os alto-falantes.

Desmontando o iPad Pro

iPad Pro desmontado. (Foto: Reprodução/iFixit)

“Parece que o sistema de áudio com quatro alto-falantes vem às custa da capacidade da bateria”, informa o analista do iFixit. “Com base em nossas medições, o entorno do alto-falante ocupa cerca de metade do espaço ocupado pela bateria.” Assim, o especialista conclui que a bateria do iPad Pro poderia oferecer uma 50% a mais de carga se o espaço não tivesse sido ocupado pelo sistema de áudio do aparelho.

Enfim, o analista destaca a remoção da placa lógica, que vem protegida por um escudo, bem como a entrada do fone de ouvido e o Smart Connector. Tanto trabalho rendeu uma nota 3 de 10 para o iPad Pro no quesito que envolve ser consertado.

Fonte: iFixit