Computex 2015: Conheça os 4 Zenpads da ASUS

Por Pedro Cipoli
photo_camera Pedro Cipoli/Canaltech

Durante o “Zensation”, evento realizado pela ASUS um dia antes do início oficial da Computex 2015, a ASUS lançou nada menos do que quatro modelos de sua nova linha de tablets, conhecidos como Zenpads. São 3 tamanhos diferentes (7, 8 e 10 polegadas) e quatro modelos, e tivemos a oportunidade de brincar com cada um deles nesse primeiro dia de feira. Eles são voltados para diferentes segmentos, e o Zenpad S 8.0 é o que mais merece destaque.

Ele se destaca, principalmente, pelas especificações. Ele traz a mesma configuração do Zenfone 2 top de linha, com um processador Intel Atom Z3580 (quad-core de 2,3 GHz), 4 GB de memória RAM LPDDR3 e GPU PowerVR G6430, com poder de fogo de sobra para sustentar a resolução de tela de 2048x1536, aspecto 4:3, mostrando que esse se tornará o padrão Android para tablets nos próximos anos, sendo o mesmo utilizado pela Apple desde o iPad original.

ASUS Zenpad

Assim como o Zenfone 2, o Zenpad S 8.0 é uma ignorância de rápido e responsivo, além de trazer uma qualidade de tela digna de nota. É uma questão de a ASUS não errar no preço (ainda não há previsão), já que não encontramos nenhum defeito perceptível. Quer dizer, fizemos um hands-on no local, e não um review completo, onde poderíamos checar quesitos como bateria, já que não conseguimos um modelo sem a corda de proteção (um problema frequente em feiras de tecnologia).

ASUS Zenpad

O Zenpad S 8.0 terá opções com Wi-Fi e 4G, sendo bastante fino com apenas 6,6 milímetros de espessura (um iPhone 6 Plus tem 7,1 milímetros), além de trazer um design elegante que foge do arroz com feijão de muitos tablets com Android. O que mais chama a atenção nele, entretanto, é um par de novidades bem interessantes. A primeira delas é que ele usa o novo padrão micro USB tipo C, outro detalhe que se tornará cada vez mais comum com o passar do tempo.

ASUS Zenpad

A segunda é que ele suporta qualidade de som DTS HD 5.1, algo mais surpreendente do que parece, considerando o nível de sofisticação sonora necessário para produzir essa stream de áudio com qualidade. Testamos o gadget tanto com fones e ouvido quanto sem, e mesmo no meio de uma feira para lá de barulhenta, a superioridade sonora das caixas acústicas, já que se trata de um tablet, não é nada menos do que curiosa.

ASUS Zenpad

Para aproveitar essa qualidade toda, a ASUS apresentou também uma capa especial com áudio 5.1 real, vendida à parte, assim como alguns acessórios voltados exclusivamente para o Zenpad S 8.0. Temos, por exemplo, a caneta Stylus com 1024 níveis de precisão, que pode fazer com que ele consiga concorrer diretamente com modelos já estabelecidos no mercado, como a linha Galaxy Note da Samsung.

Brincamos também com o Zenfone 8.0 “normal”. “Lite” seria uma expressão mais precisa, já que sentimos lentidões nos dois modelos que brincamos. Isso é curioso, já que o processador Intel Atom X3 que o equipa não deveria apresentar esse tipo de problema, ainda mais pareado com 1 ou 2 GB de memória RAM, especificação mais do que suficiente para uma boa experiência com o Android 5.0 Lollipop que equipa todos os Zenpads.

Ainda que o nome seja parecido, trata-se de um produto completamente diferente. Começando pelo aspecto de tela, que é 16:9, a baixa resolução de 1280x800, e uma identidade visual semelhante à do Zenpad S 8.0, mas com linhas de construção claramente mais simples. Com essas características, acreditamos que a ASUS pretenda concorrer com outros modelos de entrada pelo preço, já que não vimos um ponto de destaque que o separe da maioria.

ASUS Zenpad

O próximo da lista é o Zenpad 10, que claramente tem uma proposta de “notebook replacement”, já que foi apresentado com um teclado físico desenvolvido especificamente para ele. O que chama a atenção é que a região acima do teclado é inteiramente preenchida por um sistema de som com o driver SonicMaster da ASUS, o mesmo que a empresa usa em sua linha de notebooks, e a suavidade das teclas.

ASUS Zenpad

Assim como o Zenpad 8.0, ele tem configurações de um tablet básico, com mesma configuração, versões com 8 GB, 16 GB ou 32 GB de armazenamento (dependendo de mercado), um par de câmeras de 5 megapixels (traseira) e 2 megapixels (frontal) com qualidade bastante básica. Até aí, tudo bem, mas realmente não gostamos da tela com resolução de 1280x800 em um modelo de 10 polegadas. Então, novamente, acreditamos que ele será competitivo pelo preço.

ASUS Zenpad

Por último, temos o Zenpad 7, que traz basicamente as mesmas características dos Zenpads 8 e 10 em uma embalagem menor. Nesse caso o resultado é bastante simpático, já que essa configuração combina com um modelo de 7 polegadas e o design adotado pela ASUS funcionou melhor em modelos menores.

ASUS Zenpad
ASUS Zenpad

Todos os modelos chamaram a atenção também pela quantidade de acessórios, sem contar os genéricos, como fones de ouvido e baterias externas (caso da ZenPower). Todos trazem a versão 5.0 Lollipop do Android e ainda não têm um preço definido para o mercado internacional. Então, se eles vierem para o Brasil, chegarão somente no final do ano.