Microsoft confirma bug no Windows 10 que atrapalha desempenho dos Ryzen

Por Redação | 10.03.2017 às 17:08 - atualizado em 10.03.2017 às 18:04

A Microsoft confirmou um bug no Windows 10 que gera quedas de desempenho nos novos processadores da AMD, Ryzen. O sistema operacional não está conseguindo gerenciar corretamente os núcleos e o sistema SMT (Simultaneous Multi Threading), causando desperdício de processamento.

Para piorar, o Windows 10 também não é capaz de identificar o cache do processador corretamente. O agendador do sistema enxerga até 136 MB de cache quando um Ryzen 7 possui apenas 20 MB somando L2+L3. A Microsoft enfrentou o mesmo problema quando a Intel apresentou a tecnologia Hyper-Threading, que também simula núcleos de processamento.

Em um tweet, a Microsoft confirmou a existência do problema e também disse que já está trabalhando em um patch para corrigi-lo, sem dar uma data exata para que isso seja feito. "Um novo processador High-end significa novos bugs para neutralizar. Nós vamos dar uma olhada nisso e traremos novas informações nos próximos updates".

Fonte: Guru 3D