IBM lança toolkit para ajudar no desenvolvimento de sites e apps acessíveis

Por Rui Maciel | 03 de Junho de 2020 às 14h45
Divulgação
Tudo sobre

IBM

Saiba tudo sobre IBM

Ver mais

A IBM anunciou nesta quarta-feira (3) o lançamento de um novo kit de desenvolvimento de código aberto, que oferecerá aos desenvolvedores ferramentas necessárias para produzirem suas aplicações e páginas web de forma mais acessível. A novidade vem ajudar a divulgar o Dia Mundial para Promover a conscientização sobre a acessibilidade. Conforme o Global Accessibility Awareness Day (GAAD), a dificuldade de acesso aos atuais produtos digitais afeta um bilhão de pessoas globalmente. Na América Latina, 12,5% da população precisa de ferramentas acessíveis para ingressar ou trabalhar com conteúdos e aplicativos.

Kit de desenvolvimento para sites e apps acessíveis da IBM (Foto: Divulgação)

O kit traz dois pacotes de desenvolvimento, que levam o nome de IBM Equal Access Toolkit e Accessibility Checker. O primeiro é um conjunto de orientações que entregam guias sobre acessibilidade a cada uma das pessoas de uma equipe, sobre todas as fases de criação de uma oferta empresarial. Já o segundo é parte de um kit aberto de ferramentas de automação. É uma extensão para browsers que permite aos desenvolvedores e auditores, verificar os componentes base de uma página web ou solução para encontrar problemas de acessibilidade. Ambas as ferramentas permitem que os desenvolvedores e testers possam incorporar acessibilidade diretamente dentro de suas cargas de trabalho.

O que oferecem o toolkit?

A ideia da IBM com os novos kits é oferecer ferramentas end-to-end, ou seja, que acompanham toda a jornada de construção de aplicativos e websites acessíveis. Nos pacotes, os profissionais podem encontrar um guia sobre o que é necessário em cada etapa de desenvolvimento, desde uma investigação inicial até o planejamento, desenho, desenvolvimento, verificação e lançamento. Há também uma desagregação de requerimentos de acessibilidade em cada etapa com sua priorização, automação de testes e um verificador de acessibilidade baseado no browser com ajuda integrada e que permite aprender a informação correta, exatamente no momento certo.

A IBM afirma ainda que todas as ferramentas estão construídas sobre o mesmo conjunto de regras, necessários para cobrir as últimas normas de acessibilidade e que compartilham elementos guia para que todas as pessoas da equipe possam ser sejam responsáveis pela acessibilidade. Cada guia vem em pequenos fragmentos, que orientam sobre os pontos que devem ser vistos com prioridade para que a equipe obtenha mais eficiência no ritmo de trabalho.

O toolkit da IBM traz o mesmo conjunto de regras, necessários para cobrir as últimas normas de acessibilidade 

O toolkit também permite às equipes de produto criar ferramentas acessíveis sem precisar de um expert em acessibilidade ou educação formal no tema. Ao mesmo tempo, os desenvolvedores podem completar o que precisam à medida que avançam seus projetos, sem perder a continuidade.

Mais informações

Os desenvolvedores podem acessar o verificador dos kits através do GitHub ou baixar a extensão do browser nas lojas de Chrome ou Firefox.

Para executar o verificador em uma configuração por batch, o verificador pode ser obtido através do repositório de NPM. Dado que o toolkit é independente da tecnologia, ele pode ser usado em uma variedade de entornos baseados em Node.js para testes automatizados.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.