Apple vai contratar 161 novos funcionários para tornar a Siri mais inteligente

Por Ramon de Souza | 02 de Abril de 2018 às 19h05
TUDO SOBRE

Apple

Tudo indica que a Apple está realmente disposta a aprimorar a Siri, sua famosa assistente pessoal que equipa a maioria de seus gadgets. De acordo com a Thinknum, agência especializada em pesquisas de mercado, o número de vagas de emprego publicadas pela Maçã contendo o termo “Siri” aumentou exponencialmente desde a segunda quinzena de fevereiro; só na última sexta-feira (30), foram listadas 161 oportunidades nesse setor.

A maioria dos anúncios (125 deles, para sermos mais exatos) são para trabalhar no escritório de Santa Clara Valley; porém, também há vagas em São Francisco e em Cambridge, no Reino Unido. A companhia procura ainda candidatos em Xangai (China), Madri (Espanha), Munique (Alemanha) e Tóquio (Japão). A Apple procura sobretudo engenheiros de software com noções de machine learning e processamento natural de voz.

Os esforços da empresa em aprimorar a Siri não são inesperados — embora tenha sido a precursora das assistentes pessoais em smartphones, a inteligência artificial da Maçã não conseguiu acompanhar bem o ritmo de suas concorrentes, ficando atrás do Google Assistente e da Alexa, da Amazon. Com o lançamento do speaker HomePod, muitos criticaram justamente a “falta de inteligência” do software em interpretar comandos de voz.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

É interessante lembrar que, no começo de março, a Forbes reportou que a Amazon estava contratando ao menos 1.147 pessoas para trabalhar exclusivamente na Alexa, o que significa que tal assistente pode ficar ainda mais esperta em um futuro breve.

Fonte: Digital Trends

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.