Você sabe o que é Markdown?

Por Gabriel Castro

Desenvolvido em 2004 por John Gruber e Aaron Swartz para simplificar a estruturação de um texto, o Markdown é um sistema de formatação aberto que torna a escrita e a leitura mais simples. Com uma codificação mínima, além de fácil, ele é visualmente mais "limpo" e pode ser convertido facilmente para HTML.

Basicamente, ele marca alterações nos textos (subtítulos, negrito, itálico etc) apenas com os símbolos do teclado, sem usar teclas de atalho, menus, selecionando o texto e sem aquele visual complexo - para os que não estão acostumados - de HTML.

A linguagem Markdown pode ser processada em diversos programas, incluindo o Microsoft Word ou o Openoffice.org Writer. Seus arquivos também ficam muito pequenos e dificilmente se "quebram".

Por exemplo, um texto com itálico e links em HTML:

O melhor do mundo da tecnologia está no Canal Tech! < / em > acesse: < ahref="http://http://canaltech.com.br/ " & g t; CanalTech, < a href = "https://www.facebook.com/canaltech" target="_blank" > Fanpage do CanalTech < /p>

E o mesmo texto em Markdown:

O melhor do mundo da tecnologia está em *CanalTech* acesse: [CanalTech], [Fanpage do CanalTech]

[CanalTech]:"http://http://canaltech.com.br/"

[Fanpage do CanalTech]:"https://www.facebook.com/canaltech"

Os asteriscos definem o itálico e os links ficariam entre colchetes que são lidos e inseridos.

Outro exemplo mostra que basta uma linha dupla para transformar o que está escrito acima dela em título e enumeração de itens:

Markdown

Em entrevista para o CanalTech, Kirk Strobeck, autor do site What is Markdown, feito todo em Markdown, comenta que a linguagem mudou significativamente o seu trabalho. "É uma ferramenta prática para o dia a dia. Não preciso mais escrever com o tedioso HTML, eu apenas escrevo em Markdow e decido se converto ou não", comenta. "HTML é uma coisa do passado. Além disso, ao escrever, é bom não ter marcações perdidas que afetam o texto forma inesperada, como peso ou tamanho da fonte".

Quem quiser experimentar a sintaxe pode conferir o site de Strobeck que tem boas dicas. Neste link encontra-se o guia original do autor John Gruber com a sintaxe da linguagem.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.