Microsoft libera API do Office 365

Por Redação | 29.10.2014 às 18:09

Atendendo a um pedido antigo de desenvolvedores de software, a Microsoft finalmente liberou a API do Office 365 e, agora, permite que aplicações com integração à suíte de aplicativos sejam produzidas. O acesso é completo e permite o uso de arquivos de todos os softwares que fazem parte do pacote, abrindo as portas para o uso de emails, calendários, documentos ou planilhas.

As possibilidades são inúmeras, mas aqui, mais uma vez, o grande foco da Microsoft é o mercado corporativo. Segundo a empresa, a ideia é permitir uma integração melhor para as empresas que já estão no mundo do cloud computing, por meio de softwares que facilitem os processos de gestão interna e possam ser acessados de qualquer lugar, seja pelo computador, celulares ou tablets com os sistemas operacionais Windows Phone, iOS e Android.

Entre os exemplos citados pela empresa estão, por exemplo, um aplicativo de automação de vendas que se integre aos arquivos e emails para obter informações sobre pedidos ou registro de comércio. Ou, então, um software de viagens que seja capaz de registrar automaticamente os gastos em uma planilha do Excel e utilizar os calendários do Outlook para enviar o apontamento diretamente para o funcionário.

Trata-se, mais do que isso, de um passo adiante na ideia de união entre todos os tipos de sistemas e dispositivos, algo que vem sendo propagado em praticamente todas as soluções da Microsoft. A união entre computadores e tablets que surgiu com o Windows 8, por exemplo, foi apenas o início do que, para a empresa, é uma noção clara de que os tempos de segregação entre diversas plataformas chegaram ao fim e que, agora, vence quem estiver disponível em todos os lugares ao mesmo tempo e, mais do que isso, funcionando da forma como o cliente necessita.

Uma das primeiras soluções a anunciaram o suporte completo ao Office 365 é o IFTTT. O app de automação online vai ganhar novas funções de integração com os arquivos presentes na nuvem da Microsoft, permitindo, por exemplo, que arquivos sejam hospedados ou salvos automaticamente no serviço. As primeiras aplicações integradas devem começar a dar as caras nas próximas semanas.