Microsoft lança plataforma de conteúdo para Big Data e Cloud Computing

Por Redação | 16.04.2014 às 18:58 - atualizado em 16.04.2014 às 19:13

A Cloud Computing e o Big Data, assim como a Internet das Coisas, são tendências não só para o público, mas especialmente para ambientes corporativos. E a Microsoft, que detém grande parte dos bancos de dados em todo o mundo, não perde tempo para lucrar: a companhia anunciou nesta quarta-feira (16) uma plataforma que promete facilitar o manuseio de informações em massa. A notícia foi veiculada pelo site Venture Beat.

De acordo com o anúncio feito pelo CEO Satya Nadella, em evento realizado para clientes em São Francisco, a Microsoft está apta a realizar gerenciamento, armazenamento, transmissão e análise de grande quantidade de dados, unindo os poderes do Office, do Azure e do SQL Server 2014. Isso inclui a possibilidade de realizar ações em dispositivos móveis e também a Internet das Coisas.

"Queremos uma abordagem estrutural que junte diferentes produtos – do Excel passando para o SQL e terminando no Hadoop – para criar essa noção de ambiente inteligente", afirmou o executivo.

A maior novidade no evento foi o lançamento do SQL Server 2014, que, de acordo com Nadella, possui a tecnologia "in-memory", o que acelera seu acesso. A plataforma atuaria ao lado do Analytics Platform System e poderia unir ações com diferentes dados massivos em funções distintas, tudo em tempo real.

NADELLA

O Azure Intelligent Systems é direcionado para serviços relacionados à Internet das Coisas. Com ele, o cliente poderá coletar dados de todos os sensores e servidores disponíveis.

Já o Office vai interagir nesse ambiente com ferramentas já lançadas, como as Power Business Intelligence Tools, que podem unir recursos do PowerPoint e do Excel em rede local ou em nuvem com o objetivo de criar gráficos inteligentes e animações interativas, por exemplo.

A ideia é unir todos os recursos de Big Data e Cloud Computing em softwares já conhecidos, para que sejam interfaces amigáveis aos que já utilizam e também aos não-iniciados nesse novo modelo de negócios. Com a novidade, uma empresa poderá, por exemplo, cruzar dados de mecanismos de busca e redes sociais para encontrar a melhor oportunidade de lucro em determinada região e público-alvo.

"Todas as características dos negócios da Microsoft foram fundamentalmente transformadas devido ao conteúdo. Para lidar com essa plataforma, é necessário que haja essa cultura do conteúdo dentro da sua organização".

Fonte: http://venturebeat.com/2014/04/15/microsofts-new-data-platform-spans-office-to-azure-sql/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+Venturebeat+%28VentureBeat%29