Em apenas uma semana, mais de 12 milhões de pessoas baixaram o Office para iPad

Por Redação | 04.04.2014 às 13:00
photo_camera PPL Ware

Por meio de uma mensagem no Twitter, a Microsoft comemorou a marca de 12 milhões de downloads dos aplicativos de sua suíte Office para o iPad. A marca foi atingida em apenas uma semana após o anúncio dos softwares, que foram disponibilizados gratuitamente na loja online de aplicativos da Apple.

Há, porém, uma questão importante que a Microsoft ainda não abordou. As versões do Word, Excel, PowerPoint e OneNote que estão disponíveis na App Store são grauitas e só permitem a visualização de documentos nos formatos proprietários da empresa. Para editar arquivos ou criar novos, porém, é preciso ter uma assinatura do serviço Office 365, que custa US$ 10, cerca de R$ 22, por mês.

Office iPad

Trata-se, então, de um modelo “freemium”, que foi a alternativa encontrada pela empresa para suprir a falta que a suíte de aplicativos fez nos últimos anos. É justamente essa ideia que levou muita gente a pensar que os apps não fariam tanto sucesso no iPad, já que os usuários da plataforma estariam acostumados com outras soluções e não voltariam aos softwares que eles utilizam nos PCs.

A primeira etapa dessa estratégia de penetração no mercado, porém, parece estar funcionando bem. Resta saber agora até que ponto esse alto número de downloads está resultando em novos assinantes, um número que a Microsoft não divulgou até o momento.