Bala com GPS vai ajudar policiais em perseguições

Por Redação | 01 de Novembro de 2013 às 15h12
photo_camera Divulgação

A polícia norte-americana começou a testar uma tecnologia em quatro estados do país (Iowa, Flórida, Arizona e Colorado). Trata-se de uma bala, com um visual semelhante àquela usada em armas de fogo, equipada com GPS para facilitar a localização de veículos perseguidos pelas autoridades. As informações são da BBC.

O dispositivo foi desenvolvido pela empresa StarChase, e tem como objetivo tornar perseguições em alta velocidade mais seguras. Quando um suspeito foge em disparada, ao invés de atirar no ladrão, o policial pode mirar no veículo de fuga do bandido e monitorar seu trajeto sem colocar sua vida e a de outras pessoas em risco.

Funciona assim: de dentro da viatura, o oficial aciona um botão no painel que dispara a bala de dentro de uma caixa instalada acima do para-choque dianteiro. A bala com GPS gruda na traseira do carro à frente e a partir daí a polícia pode interromper a perseguição para acompanhar em tempo real o trajeto do criminoso. Além de rastrear a localização do veículo, é possível monitorar a velocidade do indivíduo.

"Esta nova tática está se provando importante para a polícia. (Graças às balas) Foi possível desde resgatar meninas vítimas de tráfico humano até parar motoristas bêbados ou sob influência de drogas", disse Trevor Fischbach, presidente da StarChase.

Cada bala custa US$ 500 e a instalação do equipamento no veículo custa US$ 5 mil. O sistema deve ser expandido em breve para a Grã-Bretanha. O acadêmico britânico da Universidade de Leeds, Dave Allen, fez uma pesquisa sobre o futuro da tecnologia para a polícia inglesa e acredita que a bala com GPS pode ter um uso operacional viável.

"Eu acredito que os custos vão cair rapidamente e vamos ver as balas sendo usadas rotineiramente num futuro não muito distante", disse. Por outro lado, Allen faz um alerta de que é preciso saber usar essa tecnologia, já que o aparelho "pode levantar questões relacionadas à liberdade civil".

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.