Fim do suporte oficial ao Moto 360 de primeira geração

Por Redação | 13 de Junho de 2016 às 18h40
photo_camera Foto: Divulgação

Não é novidade pra ninguém quando um smartphone com alguns anos de idade, ou até menos, acaba parando de receber atualizações oficiais da fabricante. Agora chegou a vez da primeira geração de smartwatches com Android Wear passarem pela mesma situação.

Após o anúncio oficial da nova versão do Android Wear no Google I/O 2016, foi revelado pela gigante das buscas que a versão 2.0 do sistema operacional não seria liberada para alguns dispositivos mais antigos. Infelizmente, o primeiro modelo do Moto 360 acabou entrando nessa lista e já está na reta final de suporte oficial.

A confirmação do fim do suporte veio da próprio Motorola por meio do Twitter oficial da empresa. O motivo alegado pela fabricante, foi a demanda de performance do Android Wear 2.0. Como o smartwatch original ainda roda com hardware da geração passada, segundo a Motorola, o sistema não iria funcionar de forma satisfatória. Mesmo assim, a empresa garante que vai continuar a liberar atualizações de segurança para o dispositivo quando for necessário.

E não é só o Moto 360 que ficou para trás, o G Watch da LG também não vai suportar o Wear 2.0, e o mesmo deve acontecer com a primeira geração do smartwatch ASUS ZenWatch e da linha mais antiga de dispositivos Samsung Gear Live.

Dessa maneira, os donos dos smartwatches citados não vão poder contar com os novos recursos do sistema, como: opções melhoradas de resposta direto das notificação, "watch faces" de terceiros além do novo teclado desenvolvido pelo Google especialmente para os relógios inteligentes.

A nova versão do sistema operacional ainda está na fase developer preview. Após concluir todas as etapas de testes internos, a atualização oficial para o Android Wear 2.0 deve ser liberada para todos os usuários.

Via: Slash Gear

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.