Xiaomi libera teaser de anúncio do Redmi 4 e Redmi 4 Note

Por Redação | 24.08.2016 às 09:36

Não são apenas as companhias ocidentais que gostam de provocar seus consumidores antes de um grande anúncio. Às vésperas de apresentar sua nova geração de smartphones, a Xiaomi decidiu brincar um pouco com a imaginação dos consumidores e liberou alguns pequenos teasers com indicativos daquilo que podemos esperar do Redmi 4 e do Redmi Note 4, seus próximos modelos que devem ser oficializados já nesta quinta-feira (25).

As imagens foram divulgadas pela operadora China Mobile, uma das maiores do país, e não chegam a revelar muita coisa, mas sugerem muito. Nas peças, vemos duas pessoas com os misteriosos aparelhos nas mãos e a data do evento no qual eles serão mostrados em definitivo. A ideia é realmente criar um suspense em torno dos novos modelos, mas todo mundo sabe o que esperar de cada um deles, o que faz com que o teaser seja muito mais o cumprimento de um protocolo do que realmente criar expectativa com base no desconhecido.

Isso porque as especificações dos dois modelos já são conhecidas do público. O Redmi 4, por exemplo, vai trazer uma tela de 5 polegadas com resolução Full HD (1.920 x 1.080), chipset Qualcomm Snapdragon 625, processador de oito núcleos ARM Cortex-A53 de 1,8 GHz cada e 3 GB de RAM. Com 32 GB de armazenamento, ele traz uma câmera de 13 megapixels e lente frontal de 5 MP. Além disso, outro destaque é a bateria de 4.000 mAh, o que garante maior autonomia. O modelo estará disponível somente na versão dourada — o que pode explicar o predomínio da cor na propaganda — e já virá com o Android 6.0.1 Marshmallow devidamente instalado.

Redmi 4

Anúncios não mostram muita coisa, mas prometem novidades para esta quinta-feira

Já o Redmi 4 Note, como o próprio nome sugere, é quase como uma versão otimizada do primeiro modelo — sendo quase um análogo ao Galaxy Note da Samsung. Ele conta com uma tela de 5,5 polegadas também com resolução Full HD e mantém as câmeras de 13 megapixels na parte traseira e 5 megapixels na área frontal. Por outro lado, ele conta com um chipset MediaTek Helio X20 ou X25, processador de dez núcleos rodando entre 2,3 GHz e 2,5 GHz, e uma placa gráfica ARM Mali de 780 Mhz ou 850 MHz. A versão terá 2 ou 3 GB de RAM e 16 ou 64 GB de armazenamento e também contará com o Android Marshmallow vindo de fábrica. Sua bateria é um pouco melhor que a do modelo-irmão, com 4.100 mAh.

A Xiaomi ainda não sinalizou a faixa de preço de seus novos smartphones, mas acredita-se que o Redmi 4 custará cerca de US$ 105, enquanto o Redmi 4 Note deve sair por algo próximo de US$ 170 — entre R$ 340 e R$ 550, respectivamente, de acordo com o câmbio atual. Porém, levando em conta que a fabricante deixou de operar no Brasil, é difícil saber se veremos os novos modelos chegando por aqui por vias oficiais, ficando dependente apenas de importadores. De qualquer forma, vale a pena ficar de olho no evento desta quinta-feira para saber se devemos ou não começar a caçar alguém que traga um Redmi do exterior para nós.

Via: MIUI