Tecnologia da Huawei mostra notificações quando usuário olha para a tela

Por Diego Sousa | 23 de Outubro de 2020 às 15h43
Divulgação/Huawei
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Mate 40 5G

Ficha técnica

Com o lançamento dos novos Mate 40 nesta quinta-feira (22), a Huawei apresentou um novo recurso da personalização EMUI 11 que promete ser uma versão melhorada do recurso Always on Display ("Tela sempre ligada", em tradução livre).

Como funciona o Eyes On Display 

Mantendo a proposta de exibir informações básicas do smartphone, como reprodutor de música, chamadas perdidas e notificações, mesmo com a tela "desligada", a função Eyes On Display (EOD) mostra tais dados somente quando o usuário olha para a tela.

O modo como as informações são exibidas difere do AOD, que exibe notificações de aplicativos geralmente assim que o smartphone é tocado. Durante o evento, a Huawei explicou que conseguiu chegar a essa solução graças a sensores de gestos e a câmera frontal do dispositivo para identificar o movimento dos olhos do usuário.

Na prática, tanto o EOD quanto o AOD prometem diminuir o consumo de energia dos dispositivos, uma vez que os usuários terão as informações mais básicas do celular sem precisar acender toda a tela. Esse recurso tem funcionamento mais efetivo em smartphones com painel OLED, já que somente alguns pixels serão acessos.

Segundo a empresa, esses sensores de gestos também foram aprimorados para permitir a navegação em aplicativos compatíveis sem tocar no smartphone, tal como a LG fez com a chamada Z Camera do G8s ThinQ e o Google com o Motion Sense, da linha Pixel. A Huawei promete se destacar com a possibilidade de reconhecimento mesmo se o celular não estiver alinhado aos olhos.

Embora as três fabricantes usem soluções diferentes, há uma semelhança em seus funcionamentos: elas utilizam sensores 3D que são capazes de mapear o ambiente e identificar movimentos do usuário. Além disso, elas adicionam um método de desbloqueio facial mais seguro, já que identificará o rosto completo do usuário, semelhante ao que a Apple faz com o Face ID.

Outro benefício desses sensores são as fotos com desfoque de fundo, uma vez que os sensores conseguirão distinguir com mais precisão e rapidez o objeto principal das demais camadas da imagem.

Até o momento, o Eyes On Display está disponível somente nos smartphones da linha Mate 40. Não há informações sobre o lançamento do recurso para a linha P40, lançado no começo do ano.

Fonte: Huawei  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.