Samsung pode trazer de volta suporte a cartões microSD com Galaxy Note 5

Por Redação | 23 de Julho de 2015 às 10h10

Seguindo os passos da Apple, a Samsung removeu o suporte a cartões microSD em seus aparelhos e, com isso, deixou muita gente revoltada com a impossibilidade de aumentar a capacidade de armazenamento de seu smartphone. No entanto, parece que a empresa ouviu as várias reclamações dos fãs e, para o Galaxy Note 5, a boa e velha entrada pode voltar.

Ainda não se trata de nada oficial, uma vez que a companhia sul-coreana não comentou sobre o assunto e nem fez qualquer tipo de anúncio relacionado. No entanto, documentos de homologação do próximo Note nos Estados Unidos anteciparam essa confirmação ao revelar, em meio a outros detalhes de configuração do aparelho, que poderemos voltar a usar os pequenos cartões de memória.

Tanto que o texto é bem claro ao afirmar que o Galaxy Note 5 terá um slot de memória externa e que ela terá porte para cartões SDXC de 128 GB — ou seja, um bom tamanho para quem estava impossibilidade de ampliar um único mega até então.

Além disso, a papelada revelada outros detalhes do dispositivo. Entre os destaques, temos uma tela com resolução QHD, ou seja, 2560 x 1440 pixels. Equipado com o Android 5.1, ele também terá uma câmera traseira de 16 megapixels contra os 5 MP da lente frontal.

Por outro lado, outras configurações podem soar um pouco decepcionantes para quem esperava algo um pouco mais potente. Isso porque o novo Galaxy conta com apenas 3 GB de RAM ao invés dos 4 GB que todo mundo esperava. Não chega a ser algo comprometedor, mas que certamente vai deixar alguns fãs mais entusiastas um pouco frustrados.

Além disso, acredita-se que o Galaxy Note 5 deve trazer um processador Snapdragon 810 ou 808 e até mesmo algum chip Exynos. Mais do que isso, há também a possibilidade da Samsung decidir trazer duas versões do smartphone, sendo uma mais potente e outra um pouco mais simples e em conta.

Como aponta o site SlashGear, se isso for realmente comprovado, a documentação descoberta pode se referir ao modelo mais básico do Note 5, que traria uma memória um pouco mais modesta, um chip da Qualcomm e o slot de armazenamento externo. Já a opção com processador Exynos seria um pouco mais potente, já com os 4 GB esperados, e possivelmente sem o suporte aos cartões microSD.

De qualquer forma, tudo isso não passa de suposição. E, por mais que nada disso ainda seja oficial, não será preciso esperar muito para descobrirmos a verdade, já que a Samsung prometeu falar mais sobre o assunto no próximo dia 12 de agosto.

Via: SlashGear

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.