Retrospectiva Canaltech: as 10 análises em vídeo mais assistidas em 2017

Por Felipe Demartini | 28 de Dezembro de 2017 às 09h35

2017 foi o ano do iPhone X, um dos mais ambiciosos aparelhos já lançados pela Apple. Recorde em vendas, antecipação, hype e muitos outros quesitos, o dispositivo chamou a atenção de praticamente todos os aficionados por tecnologia, sejam eles fãs ou não das novidades da Maçã.

Entretanto, ao contrário do que se poderia esperar de um dispositivo deste porte, ele não foi o preferido dos assinantes do Canaltech no YouTube, nem aparecendo entre as 10 análises em vídeo mais vistas no canal. O grande campeão, neste ano, foi o Moto G5, com apenas o iPhone 7 batendo de frente com o aparelho da Lenovo em número de visualizações.

Uma olhada rápida nos 10 mais mostra que este, efetivamente, foi o ano do Android, mas não dos dispositivos de topo de linha. Eles aparecem, sim, no ranking, mas os números são um indicador de quem nem todo mundo está disposto a pagar alguns milhares de reais pelo suprassumo da tecnologia. Em muitos casos, o “segundo melhor” acabou se tornando a opção mais interessante em tempos de crise, altas de preços e dificuldades financeiras.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Confira agora as 10 análises em vídeo mais assistidas do ano, de acordo com o que mostra o YouTube do Canaltech.

10. ASUS Zenphone 3 Max - 489 mil

A grande palavra de ordem, aqui, é a bateria. Quem utiliza o celular sem parar durante o dia vai ficar feliz com o Zenfone 3 Max, que também faz às vezes de power bank para outros dispositivos por meio de um adaptador que vem na caixa. À prova dos mais descuidados, com corpo mais robusto e sem câmera elevada na carcaça, temos um aparelho competente, com desempenho equilibrado em relação a seu aspecto energético, abrindo a lista das 10 análises mais vistas do ano.

9. Moto Z2 Play - 499 mil

Com um dispositivo mais leve e fino que seu antecessor, a Lenovo continua apostando nos módulos com o Z2 Play, que leva adiante sua aposta no segmento entre intermediários e topo de linha. Mudanças importantes vieram com essa nova geração, mas o design acaba sendo o maior destaque, com o restante soando mais como uma refinação do anterior do que como a chegada de novidades efetivas.

8. LG G6 - 666 mil

Deixando para trás um dos maiores fracassos de sua história, a LG volta para o básico e apresenta um celular que chamou bastante a atenção dos espectadores do Canaltech. Com 80% de aproveitamento de sua parte frontal, o aparelho tem a tela como destaque, assim como o bom desempenho, colocando o G6 na briga com iPhones e Galaxies pelo mercado, pelo menos no Brasil.

7. Moto G5 Plus - 687 mil

“Irmão maior” do G5 tradicional, o dispositivo da Lenovo marcou sua presença no top 10 análises mais assistidas do ano com base nesta pergunta: vale a pena pagar mais caro pelas melhorias presentes aqui? A resposta é sim, pelo processador melhor e o consumo mais inteligente da bateria, além da presença da TV digital. Entretanto, quem já tem o G4 Plus pode preferir esperar um pouco mais pelas futuras inovações da fabricante.

6. Samsung Galaxy A7 & A5 2017 - 712 mil

O review duplo dos dois modelos da marca sul-coreana taxou os aparelhos como uma versão mini do Galaxy S7, com o bom acabamento do modelo de topo de linha e boa pegada, apesar do excesso de vidro ser um convite à quebra. O fim das câmeras saltadas também foi elogiado, assim como a resistência a água e a presença de conexão USB do tipo C.

5. Samsung Galaxy S8 e S8+ - 844 mil

Deixando para trás o pesadelo envolvendo o Galaxy Note7, a Samsung apostou com força em seus topos de linhas para 2017 (e deu certo). As telas infinitas e as mudanças de design agradaram aos usuários, colocando a análise dos Galaxy S8 e Galaxy S8+ entre os 10 vídeos mais vistos deste ano no YouTube do Canaltech. No review, elogios às alterações no corpo do aparelho, à qualidade do display e ao sistema de segurança por leitura de íris, apesar do local péssimo escolhido para colocação do sensor biométrico e do péssimo funcionamento do reconhecimento facial.

4. LG K10 Novo - 918 mil

Com aspecto mais sóbrio e bordas arredondadas, o modelo da fabricante voltado para o público jovem chega com a proposta de equilibrar da melhor forma possível o custo e o benefício. O resultado foi um smartphone mediano, que não faz feio, com tela de qualidade agradável e folga no desempenho por causa da escolha pela resolução 720p. Apesar disso, o aparelho tem um esquisito botão na parte traseira, que dá a impressão de ser um sensor biométrico, e alto-falantes ruins.

3. Samsung Galaxy J7 Prime - 1,3 milhão

Iniciando o “trio do milhão” no Canaltech, o Galaxy J7 Prime chamou a atenção dos consumidores, mesmo sendo citado como mais um reflexo da falta de inovação da Samsung em seus modelos abaixo do topo de linha. Entretanto, esse nem mesmo seria o foco do J7 Prime, que representou uma opção interessante, aparentemente, para muitos usuários.

Com tela de boa qualidade, apesar de apresentar algumas distorções, e performance voltada para usuários médios, o dispositivo é ideal para quem exige um smartphone para utilização cotidiana, com câmera mediana e performance aquém da necessária para aplicações mais pesadas.

2. iPhone 7 - 1,82 milhão

A Apple aparece na vice-liderança no ranking de análises em vídeo do Canaltech com, ao contrário do que se esperava, o iPhone 7. A evolução dos modelos atuais da Maçã veio dos Estados Unidos diretamente para as mãos de nossos analistas e os resultados em visualizações mostraram que, para muita gente, o design clássico ainda é bastante interessante, a ponto de não apenas ser a segunda análise mais vista do ano, mas também o terceiro mais popular do Canaltech.

O fim da entrada para fones de ouvido foi a ausência mais sentida no modelo, que manteve o estilo de corpo do anterior, bem como seu sensor de impressões digitais na parte da frente. A tela também foi elogiada, com uma maior gama de cores e pretos mais profundos, bem como a chegada dos alto-falantes estéreo e a câmera que se comporta melhor em situações de pouca luz.

1. Moto G5 (2017) - 1,84 milhão

Não teve para ninguém em 2017, o queridinho da Lenovo foi a análise mais vista do ano e é, também, o segundo mais assistido do canal, ficando atrás apenas do Moto G4 Plus, seu antecessor. Nenhuma surpresa, afinal de contas o design retrabalhado e a aproximação com um design e configurações de topo de linha chamaram a atenção dos consumidores, tornando o modelo um dos mais bem-sucedidos do ano para a fabricante.

Em nossa análise, o Moto G5 foi elogiado pela bateria removível, a boa tela LCD, a ergonomia renovada para o sensor de impressões digitais e o bom desempenho para o usuário médio, mesmo com muitos apps e jogos pesados rodando ao mesmo tempo. Entretanto, os alto-falantes deixam a desejar, com sons baixos e mais focados para o agudo, assim como a câmera, com fotos com resultado abaixo do ideal em situações de pouca ou muita luz.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.