Relatório confirma que Samsung não irá fabricar processador para iPhone 7

Por Redação | 15.02.2016 às 10:35

A Samsung foi uma das escolhidas pela Apple para fabricar o chip A9 que equipou a última geração do iPhone. Além da marca sul-coreana, a TSMC também dividia a produção dos processadores para lidar com a grande demanda na venda do dispositivo. No entanto, um relatório recente confirma que a Apple decidiu que apenas a TSMC fabricará o chip A10 que estará presente na próxima geração do iPhone.

Esta mudança não é uma grande novidade, visto que a Apple já trabalhou somente com a companhia taiwanesa com o A8 para o iPhone 6 e 6 Plus, por exemplo. Porém, utilizar mais de um fornecedor traz vários benefícios, algo que a Apple escolheu abrir mão para a fabricação do próximo iPhone.

Levando em consideração que a Apple vende dezenas de milhões de iPhones por trimestre, ainda não está claro se a TSMC conseguiria produzir chips suficientes para todos os dispositivos. É importante lembrar que a fabricante também trabalha com outras marcas e que também precisa destinar parte de sua força de trabalho para atender outros clientes.

A opção por apenas um fornecedor corta o poder de barganha da Apple, que antes podia negociar e obter preços mais vantajosos com as partes. Nenhuma informação sobre os valores dos chips da Samsung ou da TSMC foram revelados, nem se os chips da fabricante sul-coreana eram mais caros, o que poderia justificar o corte da companhia. Vale lembrar que o chip fabricado pela TSMC consumia menos energia, o que pode ter sido um critério para que a Apple escolhesse ela ao invés da Samsung.

De acordo com as informações, a TSMC deve iniciar a produção em 10nm do A10 em junho. Para os consumidores e usuários, essa decisão sobre a escolha de fabricantes não influencia em muita coisa, mas certamente prejudicou a Samsung e seu negócio de fabricação de processadores.

Fonte: The Eletronic Times

Fonte: http://9to5mac.com/2016/02/10/tsmc-apple-iphone-processor/