Redmi 4, novo intermediário da Xiaomi, é apresentado em três variantes

Por Sérgio Oliveira | 07.11.2016 às 07:15 - atualizado em 07.11.2016 às 08:49

A Xiaomi prometeu e cumpriu. Neste último fim de semana, a incansável fabricante chinesa veio a público apresentar seu mais novo smartphone intermediário, o Redmi 4. Diferentemente do que vimos até o Redmi 3, agora estamos diante de um gadget construído todo em metal e com um visual que nos faz lembrar de um dispositivo premium.

O tapa no visual, entretanto, não afeta os preços cobrados pela Xiaomi pelas três variantes do Redmi 4 - pelo contrário. Em sua versão mais básica, o smartphone sai pelo equivalente a apenas US$ 74. Batizado de Redmi 4A, o aparelho descarta a perfumaria dos irmãos mais velhos e traz consigo somente o essencial: SoC Qualcomm Snapdragon 425, 2 GB de memória RAM e 16 GB de armazenamento interno. A tela tem 5 polegadas e 720p de resolução, enquanto a bateria possui 3.120 mAh de capacidade e a câmera é de 13 megapixels.

O Redmi 4A é a versão mais barata do novo intermediário da Xiaomi. Sem leitor de impressão digital e com um processador mais modesto, aparelho custo o equivalente a apenas US$ 74

O Redmi 4A é a versão mais barata do novo intermediário da Xiaomi. Sem leitor de impressão digital e com um processador mais modesto, aparelho custo o equivalente a apenas US$ 74 (Reprodução: MIUI)

Em contrapartida, o Redmi 4 Standard Edition será comercializado pelo equivalente a US$ 103 e difere do irmão mais modesto basicamente apenas pelo chip que emprega: ao invés de um Snapdragon 425, é um 430 quem dá poder de fogo ao gadget. Fora isso, há também um leitor de impressões digitais na parte traseira abaixo da câmera e a possibilidade de expandir o armazenamento via cartão microSD.

Por fim, usuários um pouco mais exigentes poderão encontrar no Redmi 4 Pro Edition as especificações perfeitas. Aqui, o SoC é um Qualcomm Snapdragon 625, a memória RAM tem 3 GB e o armazenamento interno é de 32 GB. A tela também recebeu um trato melhor e possui 1080p de resolução, enquanto a bateria possui 4.100 mAh de capacidade. O preço para esta variante é equivalente a US$ 133.

Tanto a versão padrão quanto a Pro do Redmi 4 chegam no mesmo corpo e com leitor de impressão digital abaixo da câmera traseira. Fora isso, aparelhos se diferenciam basicamente pelo processador e memória RAM

Tanto a versão padrão quanto a Pro do Redmi 4 chegam no mesmo corpo e com leitor de impressão digital abaixo da câmera traseira. Fora isso, aparelhos se diferenciam basicamente pelo processador e memória RAM (Reprodução: MIUI)

Em relação à disponibilidade, a Xiaomi informou que tanto o Redmi 4 Standard Edition quanto o Pro Edition chegarão às lojas a partir desta segunda-feira, dia 7. Ambos os modelos virão nas cores cinza, prata e dourada. Em relação ao Redmi 4A, a versão mais modesta estará disponível a partir desta sexta-feira (11).

Como muitos devem desconfiar, com a saída da fabricante chinesa do Brasil, dificilmente veremos os novos Redmi chegarem por aqui. Portanto, se você se interessou por um deles, o jeito vai ser importar.

Via SlashGear, Android Headlines