Red Magic 7 é encontrado em certificação e empresa deve investir no Metaverso

Red Magic 7 é encontrado em certificação e empresa deve investir no Metaverso

Por Gustavo de Lima Inacio | Editado por Wallace Moté | 21 de Janeiro de 2022 às 08h00
Reprodução/Red Magic

A Nubia lançou seu último smartphone gamer em setembro do ano passado, e o seu sucessor, o Red Magic 7, deve ser anunciado em breve. Ele já foi encontrado em algumas certificações e teve parte das suas características técnicas reveladas antecipadamente.

O modelo foi visto no FCC, sigla em inglês para Comissão Federal de Comunicações, órgão regulamentador americano que faz trabalho semelhante ao da Anatel no Brasil. Nesse caso, trata-se da suposta variante global do Red Magic 7, com o número de modelo NX679J. Na listagem, fica claro que ele terá uma bateria de duas células de 2.190 mAh, que combinadas devem oferecer 4.380 mAh.

Red Magic 7 global deve ter carregamento mais fraco que a versão chinesa (Imagem: Reprodução/FCC)

Aqui, ele surge com suporte a carregamento rápido de 65 watts, consideravelmente mais fraco do que os 120 watts esperados para a versão chinesa. O Red Magic 7 global deve ter 12 GB de memória RAM e 256 GB de espaço para armazenamento interno.

Há ainda um esboço do aparelho na documentação que revela o posicionamento dos seus botões, sendo que o de energia ficará na lateral direita, enquanto os de volume ficarão na esquerda.

Esboço mostra posição dos botões do Red Magic 7 (Imagem: Reprodução/FCC)

Outros rumores falam que ele será apresentado com uma tela OLED de 6,8 polegadas com resolução Full HD+ e suporte para taxa de atualização de 165 Hz. Ele deve utilizar o processador Qualcomm Snapdragon 8 Gen 1 e ter uma variante com 18 GB de memória RAM, de acordo com um teste no Geekbench.

Red Magic pode investir no Metaverso

Yu Hang, vice-presidente sênior da Nubia, disse que a empresa lançará uma série de produtos diferentes em 2022. Além do Red Magic 7, que deve sair em fevereiro segundo o executivo, a marca deve trazer um headset VR, monitores, roteadores, teclados e outros produtos voltados justamente para o público gamer.

Mas, infelizmente, ele não revelou outros detalhes sobre os produtos em si, deixando claro apenas que deve investir nessa expansão visando o Metaverso, continuando a fortalecer o mercado de dispositivos gamer.

Fonte: MySmartPrice, ITHome

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.