Nova patente da Meizu sugere entrada no mercado dos smartphones dobráveis

Nova patente da Meizu sugere entrada no mercado dos smartphones dobráveis

Por Diego Sousa | 09 de Junho de 2020 às 20h00
Reprodução/Getty Images

A Meizu, uma das primeiras fabricantes a lançar um celular com duas telas, pode estar considerando a possibilidade de entrar no mercado dos dobráveis para concorrer com Samsung, Huawei e Motorola. Isso porque um pedido de patente da chinesa, datado de outubro de 2019, foi aprovado em maio deste ano contendo informações de um dispositivo que se dobra e tem algumas características bem interessantes.

De acordo com o documento, encontrado pelo site chinês It Home, seu design poderá se parecer com o Galaxy Fold e o Mate Xs: um aparelho que, quando desdobrado, revela uma grande tela — como um tablet. Essa construção deverá garantir a proteção do celular durante o uso diário.

Imagem mais abaixo refere-se à tela do do celular e suas camadas (Foto: Reprodução/It Home)

O diferencial exibido pela patente, no entanto, é a presença de uma espécie de espuma especial que suporta a tela flexível do dispositivo — essa espuma será feita de polímeros de fibra, diferente da construção de poliimida (polímero + imida) da primeira geração do Galaxy Fold. Não foram detalhados os benefícios da fibra na construção do aparelho, mas aparentemente deve estar relacionado à durabilidade do material, que é usado para construir coletes resistentes.

Além disso, a patente descreve um mecanismo rotativo bem no meio do aparelho, responsável por fazer os movimentos de dobra. Esse mecanismo deve deixar um espaço entre as extremidades para não haver nenhum dano na tela ao ser dobrada.

Por se tratar de uma patente, não há nenhuma garantia de que a Meizu se aventurará no mercado dos dobráveis com esta construção. No entanto, com as fabricantes cada vez mais investindo nesse segmento, bem que não seria uma má jogada da chinesa.

O que você achou do smartphone dobrável da Meizu? Deixe nos comentários!

Fonte: It Home (chinês)  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.