Moto C2 é homologado pela Anatel

Por Felipe Demartini | 26 de Julho de 2018 às 11h24
Tudo sobre

Motorola

A estreia do Android Go pelas mãos da Motorola parece estar cada vez mais próxima, e sua chegada ao Brasil, também. Pelo menos é isso o que indica o registro de homologação do modelo XT1920-19, o tão comentado Moto C2, na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), passo essencial para que qualquer dispositivo eletrônico seja lançado por aqui.

No documento emitido pela Anatel, entretanto, estão pouquíssimas informações sobre o dispositivo, que confirmam, apenas, sua compatibilidade com uma dupla de cartões SIM. Por outro lado, o certificado de homologação é uma comprovação mais do que direta da existência do gadget e, também, de que ele chegará por aqui com o Android Go, uma versão mais leve do sistema operacional voltada para smartphones de baixo e médio porte.

É, também, uma ideia que se encaixa muito bem com a linha de atuação da Motorola, que vem tendo desempenho bastante positivo nesse segmento. A união entre os dois conceitos, então, parece ser apenas uma questão de tempo, uma vez que, assim como aconteceu com a Anatel, o Moto C2 já foi homologado por outros órgãos semelhantes do mercado internacional.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Imaem vazada exibe aparência do vindouro Moto C2 (Imagem: Reprodução/91 Mobiles)

Da correspondente americana FCC, por exemplo, veio a informação de que o dispositivo terá 16 GB de armazenamento interno e uma bateria de 2.000 mAh, além de 14,7 cm de altura por 7,1 cm de largura. Imagens conceituais do dispositivo também já vazaram, com ele trazendo aquele design que já é tradição quando falamos nos dispositivos da Motorola.

No restante, entretanto, nenhuma informação oficial. Os rumores apontam para o lançamento iminente de duas versões do aparelho, o Moto C2 e sua edição Plus, com um dos principais diferenciais sendo o sensor de impressões digitais, como aconteceu há alguns anos com o Moto G4, por exemplo.

O Moto C chegou ao Brasil em junho de 2017, mas apenas em sua versão Plus, que chamou a atenção pelo preço reduzido e pela bateria robusta, com 4.000 mAh. A fabricante, entretanto, não falou nada sobre o suposto sucessor e, menos ainda, sobre seu lançamento em nossas terras.

Fonte: 91 Mobiles

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.